Pesquisar este blog

Carregando...

segunda-feira, 27 de agosto de 2007

Doutrina, usos e costumes

Por Gutierres Siqueira

O tema “usos e costumes” é uma velha questão nos círculos pentecostais. A tradição faz parte de todas as instituições e sociedades. Assim, é correto afirmar que todas as igrejas têm os seus costumes, impostos ou espontâneos, mas igualmente estabelecidos. Por muito tempo se confundiu costumes com doutrina, mas há diferenças significativas entre esses dois conceitos.

O que é costume? O lexicógrafo Aurélio Buarque de Holanda definiu costume como “uso, hábito ou prática geralmente observada” [1]. O dicionarista Adriano da Gama Cury definiu, de maneira mais completa, a palavra costume como “uso, prática habitual; modo de proceder; característica, particularidade; prática jurídica ou religiosa não escrita, baseada no uso; moda; traje característico ou adequado...” [2]. Essas definições mostram que o costume é um hábito repetidamente adotado por um determinado grupo social. Os costumes fazem parte da identidade de uma instituição.

O que é doutrina? No Novo Testamento a palavra mais usada para doutrina é didache e significa ensino, instrução, tratado ou doutrina. Segundo o teólogo Claudionor Corrêa de Andrade, doutrina é a “exposição sistemática e lógica das verdades extraídas da Bíblia, visando o aperfeiçoamento espiritual do crente” [3]. Doutrina, portanto, é o resultado do um ensino teológico, adotado por uma denominação ou religião.

O pastor Antonio Gilberto apresentou em seu livro Manual da Escola Dominical [4], algumas diferenças entre usos e costumes, e neste artigo será apresentada outras diferenças, além da lista exposta pelo teólogo pentecostal.

a) A doutrina é de origem divina, o costume é de origem humana. A doutrina é divina pois está baseada na inspirada Palavra de Deus. Para uma ideia ser doutrina bíblica é preciso que ela esteja exposta por todo o texto sagrado. Nunca uma verdadeira doutrina é baseada em textos isolados.

O costume é imposto por convenções humanas de maneira espontânea ou obrigatória, sendo assim, o costume é humano. Há muitos que tentam achar textos bíblicos para justificar a perpetuação de sua tradição, mas normalmente praticam a eisegese [5], ou seja, dizem o que bem querem e tentam justificar na Bíblia. O teólogo Esdras Costa Bentho, escrevendo sobre a eisegese, disse:

O intérprete está cônscio de que a interpretação por ele asseverada não está condizente com o texto, ou então está inconsciente quanto aos objetivos do autor ou do propósito da obra. Entretanto, voluntária ou involuntariamente, manipula o texto a fim de que sua loquacidade possa ser aceita como princípio escriturístico. [6]

Tentar justificar na Bíblia as tradições é uma tarefa que tem levado a muitas distorções bíblicas. O melhor é reconhecer a humanidade do costume.

b) A doutrina é imutável, o costume muda. A doutrina é permanente, ela nunca muda. A doutrina da “justificação pela fé”, exposta principalmente nos primeiros capítulos de Romanos, nunca mudou e nem deve ser mudada. Doutrina (bíblica) mudada é heresia. Quando Lutero resgatou a doutrina da justificação pela fé, ele orientou a igreja a voltar na perspectiva bíblica sobre o assunto. São passados mais de dois mil anos e essa doutrina nunca mudou no verdadeiro cristianismo.

O costume não é imutável. No Brasil era comum os cidadãos andarem pelas ruas de chapéus, tanto homens como mulheres, passados os anos não há mais esse costume no país. Antigamente, os pais escolhiam com quem a sua filha casaria, mas também esse costume mudou. É necessário que o costume mude, pois ele está ligado à cultura local, e toda cultura é dinâmica. Mudar alguns costumes não significa passar do são para o diabólico, como muitos pregam. A mudança é inevitável e deve ser bem orientada, mas como enfatizado, é sempre necessária. É bem relevante o que o teólogo britânico John Stott escreveu no seu livro Cristianismo Equilibrado [7]:

Quando resistimos a mudanças- sejam elas na igreja ou na sociedade devemos perguntar-nos se são na realidade, as Escrituras que estamos defendendo (como é nosso costume insistir ardorosamente) ou, se ao contrário, é alguma tradição apreciada pelos anciãos eclesiásticos ou de nossa heranças cultural. Isto não quer dizer que todas as tradições, simplesmente por serem tradicionais, devam a qualquer custo ser lançadas fora. Iconoclasmo sem crítica é tão estúpido quanto conservantismo sem crítica, e é algumas vezes mais perigoso. O que estou enfatizando é que nenhuma tradição pode ser investida com uma espécie de imunidade diplomática à examinação. Nenhum privilégio especial pode ser-lhe reivindicado.

Algumas igrejas estão impondo mudança de costumes, isso é um erro, que sempre levará a exageros. Os costumes mudam naturalmente, mas devem seguir orientação para não levar a práticas antibíblicas. As igrejas sem orientação pastoral tem aderido a costumes extravagantes, como bailes funks em meio ao culto. Tudo deve ser feito com equilíbrio, nada de permissividade em excesso e nem de legalismo. A igreja, também, não pode impor "tabus comunais". [leia mais aqui].

c) A doutrina é universal, o costume é local.

A doutrina é universal no sentido que é para todos os povos em todas as culturas. Proclamar Jesus como Salvador faz sentido no Brasil em 2007, como para os indianos que foram evangelizados pelo apóstolo Tomé, o primeiro missionário daquela nação, ainda no primeiro século da Era Cristã.

O costume é local. Os homens na Escócia usam um tipo masculino de saia. No Siri Lanka é, também, costume para homens a vestimenta com saias. Enquanto a saia, na maior parte do Ocidente, é uma roupa exclusivamente feminina. No Brasil é comum comer peixe cozido ou frito, mas no Japão se come peixe-cru.

d) A doutrina santifica, o costume não santifica.

A doutrina bíblica santifica o crente mediante a Palavra de Deus. Jesus disse: “Santifica-os na verdade; a tua palavra é a verdade” (Jo 17.17). O ensino da Palavra de Deus, ou seja, das doutrinas bíblicas, é um dos meios que Deus usa para levar o crente a uma vida reta, assim como escreveu o salmista: “Como purificará o jovem o seu caminho? Observando-o conforme a tua palavra”(Sl 119.9). John Henry Jowett disse: “Você não pode abandonar os grandes temas doutrinários e ainda assim produzir grandes santos”. O pastor A. W. Tozer escreveu: “O propósito que está por trás de toda doutrina é garantir a ação moral”. Por isso, é bom lembrar que a doutrina bíblica produz, naturalmente, bons costumes.

O costume não pode santificar. Quem acredita na santificação por meio dos costumes, normalmente, é um escravo do legalismo. O pastor Antonio Gilberto escreveu a respeito dos erros em relação a santificação e citou o engano de associar exterioridade com santidade: “Usos, práticas e costumes. Esses últimos, quando bons, devem ser o efeito da santificação, e não a causa dela”[8]. E bem relevante o que escreveu o pastor Ciro Zibordi no prefácio do livro Verdades Pentecostais:

Conservar não significa possuir uma falsa santidade, fazendo dos usos e costumes uma causa, e não um efeito. Como pode ser ao longo dessa obra , a observância da sã doutrina leva-nos a ter santidade interna e externa, o que implica vida santa a partir do espírito (1Ts 5.23) e manutenção dos bons costumes. Estes, pois, não devem gerar doutrinas, como vem acontecendo em algumas igrejas não legitimamente avivadas, para prejuízo de seus membros. [9]

O farisaísmo se caracterizava por associar sua obras com salvação. Há muitos que fazem dos costumes “doutrinas” e, assim, pensam que para serem salvos precisam fazer isso ou aquilo. Como dizia Lutero: “As boas obras não fazem o homem bom; mas o homem bom pratica as boas obras”. A inversão dessa ordem cria escravos do farisaísmo e não servos do Altíssimo.

e) A doutrina é um princípio, o costume é um preceito.

Há diferença entre princípio e preceito? Sim. O pastor José Gonçalves escreveu: “Os preceitos apontam para princípios e não o contrário. Um princípio é aquilo que está por trás do preceito ou norma”[10]. Por exemplo, usar uma roupa social em um tribunal é uma norma, um preceito. O princípio ou doutrina por trás dessa norma é que o tribunal é um lugar sério e não ambiente de entretenimento, onde se possa ir de jeans ou short.

f) A doutrina é verdade absoluta, o costume é uma verdade relativa.

A doutrina é sempre verdade absoluta, ou seja, é para todos, em todas as épocas e em todos os lugares. O costume é relativo, como lembra Geremias do Couto:

Ao insistirmos nos absolutos, não queremos afirmar que não haja também conceitos relativos. Essa diversidade se manifesta, por exemplo, nas comidas típicas de cada país, nos estilos da arquitetura, no estilo da vestimenta e até mesmo em relação à hora de dormir, que depende do fuso horário. Mas tais circunstâncias relativas acabam apontando para princípios biológicos absolutos; todos precisam alimentar-se, todos precisam dormir. [11]

O costume, por ser relativo, não deveria ser imposto como obrigação. Era comum missionários europeus tentarem impor os costumes do norte em países da Ásia e da América. Hoje, o conceito de “transculturação” está ajudando muito em relação a esse problema.

Há muitas outras diferenças entre doutrina e costumes, mas fica apontado que ambas não são a mesma coisa, porém estão ligadas. O bons costumes são aqueles que não escravizam o crente, colocando um jugo que Jesus tirou na cruz, mas sim, é resultado da boa doutrina.

------------------------------------------


Leia mais:

Engolindo os camelos e coando os mosquitos! [Leia aqui]

I Timóteo 2.9 e I Pedro 3.3 proíbem adornos para mulheres? [Leia aqui]

E a tal da “música mundana”? [Leia aqui]

Hedonismo e ascetismo, dois extremos que o cristão deve evitar [Leia aqui]

Infantilização do legalismo [Leia aqui]



---------------------------------------------------------

Notas e Referências Bibliográficas: 


1- HOLANDA, Aurélio Buarque de. Mini-Aurélio Século XXI Escolar. 3 ed. Rio de Janeiro: Editora Nova Fronteira, 2000. p. 190.

2- KURY, Adriano da Gama. Minidicionário Gama Kury da Língua Portuguesa. 1 ed. São Paulo: FTD, 2001. p.265.

3- ANDRADE, Claudionor Corrêa de. Dicionário Teológico. 12 ed. Rio de Janeiro: CPAD, 2003, p. 128.

4- Publicado pela CPAD(Casa Publicadora das Assembléias de Deus).

5- Prática de forjar o texto a fim de que justifique o pensamento próprio. Não confunda com exegese.

6- BENTHO, Esdras Costa. Hermenêutica Fácil e Descomplicada. 3 ed. Rio de Janeiro: CPAD, 2005. p. 69.

7- Publicado pela CPAD (Casa Publicadora das Assembléias de Deus).

8- GILBERTO, Antonio. Verdades Pentecostais. 1 ed. Rio de Janeiro: CPAD, 2006. p 142.

9- ZIBORDI, Ciro Sanches. Idem, pp 3,4.

10- GONÇALVES, José. Voto de Nazireado, prática judaizante que despreza a doutrina da graça. Resposta Fiel, Rio de Janeiro, Ano 4, n. 12, p. 26, Jun-Jul-Ago/2004.

11- COUTO, Geremias do. E agora, como viveremos? Lições Bíblicas, Rio de Janeiro, p. 39, 4. trimestre de 2005.

67 comentários:

Vitor Hugo da SIlva disse...

A paz do Senhor irmão Gutierres!

Excelente artigo. Nos demonstra que a doutrina Bíblica é superior a qualquer costume humano. Porém, devemos sempre lembrar ´´UMA BOA DOUTRINA GERA BONS COSTUMES``.Não devemos menosprezar e muito menos ignorar aquilo que nos foi passado por homens de Deus. Devemos sim, renovar, mas não inovar. Segue o link do site da CGADB, onde se fala a respeito dos usos e costumes adotados por algumas das nossas Assembléia de Deus no Brasil.

http://www.cgadb.com.br/sobreCgadb/posicaoSobre/usosCostumes.html

Deus o abençoe!
Vitor Hugo.

Carlos Roberto Silva, Pr. disse...

Olá Gutierez!
A Paz do Senhor!
Parabéns pelo seu post.
Ainda que saibamos que o assunto já foi por demais debatido, as dúvidas deixam claro que a necessidade de esclarecimentos continua, e voce tem sido grandemente usado por Deus, através do seu blog, para tanto.
Todo radicalismo é prejudicial, por isso é necessário ensino sadio para que possamos trilhar o caminho do equilíbrio!
Parabéns!

Eliseu Antonio Gomes disse...

Olá!

Gutierres, você se colocou muito bem neste assunto.

Mostrar todas as faces de um mesmo prisma é sempre difícil, mas sempre salutar. E falar de usos e costumes nem sempre é feito por completo, assim.

Como a arte do bom comunicador é se fazer completamente entendido, creio que mostrou competência plena nesta compilação. E somou a isso os seus comentários, que aparecem como pitadas importantes e na dose certa, alinhavando todos os pareceres de gentes renomadas do meio pentecostal.

A maneira que escolhe "blogar" é uma escola para mim.

Abraço.

Esdras Costa Bentho disse...

Kharis kai eirene.

1. Consideração institucional. A respeito da preservação dos costumes e tradições históricas da AD, a igreja caminha para o diálogo entre as lideranças nacionais, a fim de que a AD não se torne cada vez mais uma instituição religiosa heterogênea e pulverizada. É, por exemplo, o que pretendeu o 5º ELAD (Encontro de Líderes das Assembléias de Deus), realizado na cidade de São Paulo (SP), em janeiro de 1994. Apesar da fluente e convincente exposição do Pr. Antônio Gilberto sobre “Doutrina, Usos e Costumes”, solicitando a todos os presentes equilíbrio para que se evite cair no sectarismo, farisaísmo e exclusivismo, o pastor José Wellington Bezerra da Costa, sugeriu que a Mesa Diretora da CGADB fizesse publicar mais uma vez no Mensageiro da Paz, a resolução aprovada pela AGO realizada em Santo André, SP, em 1975, que trata do assunto de usos e costumes nas Assembléias de Deus e o uso da televisão, que também havia sido item de discussão no 5º ELAD. A razão para que o presidente da CGADB tomasse essa decisão era porque, como afirmou, certo periódico, “o ELAD não têm caráter decisório”. Entretanto, o próprio, Presidente, Pr. José Wellington B. Costa, compreendendo que se tratava de uma decisão difícil de ser tomada e, ao mesmo tempo discernindo a pressão interna na AD entre a nova geração de pastores e os discípulos dos pioneiros, afirmara na 32ª AGO, realizado em Salvador, BA :“Lutaremos para a manutenção das doutrinas básicas e dos bons costumes que têm caracterizado as Assembléias de Deus. Creio ser possível unir o entusiasmo dos mais jovens à experiência dos mais velhos, sem que a transição mude o perfil da Assembléia de Deus no Brasil, que em sua essência, é uma igreja conservadora em que prima pela ortodoxia doutrinária”.

2. Consioderação sociológica. No limítrofe de nossas perquirições, torna-se necessário ressaltar que o costume que compõe a tradição da AD, são chamados de folkways, ou seja, “modos do povo” ou “ usos do povo”. Essa forma de costume é traduzido no modo de agir dos indivíduos, formas de conduta, entre eles estão: os modos de se saudarem; as maneiras de se alimentarem; o estilo das construções; os maneirismos de linguagem; o uso de colares, gravatas e outros enfeites. Segundo os sociólogos, essa forma de costume é variável sem que qualquer autoridade constituída os imponha, são relativos e podem ser mudados pela próxima geração. Já os costumes chamados pelos sociólogos de mores são aqueles que surgem sempre de uma necessidade ou problema que uma sociedade ou certos indivíduos enfrentam, estão relacionadas aos aspectos morais e éticos. Os costumes (mores) são maneiras de agir mas prezadas, mantidas com tenacidade e consideradas essenciais ao grupo ou à sociedade, como por exemplo: enterrar os mortos; o dever dos pais na criação dos filhos; e o uso de roupas. Isto posto, as duas espécies de costumes concorrem para o bem estar da sociedade. No entanto, os folkways não trazem qualquer tipo de prejuízo ou escândalo à sociedade, diferente dos mores. Alguém que use um relógio no tornozelo (folkways) não traz qualquer prejuízo à sociedade, ainda que seja considerado excêntrico, mas andar despido (mores) é outra história.

Victor Leonardo Barbosa disse...

Olá Gutierres, a Paz do Senhor!!!


Realmente esse é um assunto complicado e sugiro que se possível você escreva outro artigo sobre este tema, que é um dos pontomais traumáticos da nossa querida aAD. è onde se perdem milhares de pessoas, quer sejam meninos, quer não. Siomplesmente por não atentarem para oq ue a Bíblia fala.
A palavra chave é moderação e conhecimento bíblico. Há irmãos até hoje que não se cuidam porque isso é vaidade.
Até hoje há pessoas que não tomam banho com xampu porque isso é uma coisa do mundo.
Andar de bermuda, nem pensar!!
Cinema então, Deus nos livre!!!
Ou seja, perdem-se em coisas absurdas e o que vemos nada mais é do que extremismos. De um lado os "liberais", que chegam ao ponto de ir de bermuda para um culto à noite. De outro lado, os "conservadores" que tomar banho de sunga ou short nem pensar! Deve ser calça comprida e camisa de botão!!!
Em tudo isso vemos que falta sabedoria e discernimento bíblico.
Por isso recomendo um artigo que trate de tais coisas, porém carregado de textos bíblicos.
lembrando: é apenas uma sugestão.
Abraços e Paz do Senhor!!!

Jacqueline disse...

E ai CABEÇA QUADRADA!!
ADD seu blog no meu, depois da uma olhada!

Parabén pelo post, muito bem escrito...

GRANDE GUTIERRES...
Futuro teólogo..

Bjus querido!!

Eduardo Neves disse...

A paz do Senhor irmão Gutierres!

Muito bom! Falar de usos e costumes é sempre importante, para trazer de novo à lembrança que somos luz p/ este mundo!
Apresentar renovo a igreja, este é o ponto de partida!

Jesus Cristo te abençoe!
Eduardo Neves!

Gutierres Siqueira, 18 anos disse...

Agradeço aos comentários do irmãos: ViTor Hogo, pr. Carlos Roberto, Eliseu Gomes, Victor Leonardo, Eduardo Neves e minha colega Jaqueline. Ao pastor Esdra Bentho, agradeço pelo enriquecimento de suas observações para esse texto.

Jorge Nilson disse...

Sou relator do CEDUC - Conselho Estadual de Doutrinas Usos e Costumes - CEADEB - BA, e achei excelente este artigo. Quanto mais falarmos melhor para o ensinamento de todos. Visite o meu blog pensamentosnaweb.

Marcus A. Barbosa disse...

A paz do Senhor! Gutierres...

Achei muito interessante, para alguém tão novo como você, possuir uma mente clara das verdades e dos conceitos bíblicos. Acredito que está na hora de se falar as verdades bíblicas em vez de conceitos meramente humanos. É claro que em tudo devemos ser sóbrios.

Estarei acrescentando teu blog ao meu novo blog.

Que Deus continue te abençoando!

Um abraço!

Gutierres Siqueira, 18 anos disse...

Agradece a visita dos irmãos Jorge Nilson e Marcus Barbosa. Continuem participando, pois a opiniãos dos irmãos é muito importante para esse blog.

Gutierres Siqueira

mara disse...

A paz do Senhor irmao Gutierres.

Parabens pelo seu ensino sobre usos e costumes, e maravilhoso saber que existem jovens como voce.
Que estao revovando, temos sim que renovar mas tudo com equilibrio, tudo o que fazemos e para honra e gloria do nosso senhor, nao podemos nos tornar fanaticos, cansativos pois o Senhor Jesus veio para nos ensinar com amor , respeitar e termos temor a tudo o quanto se referir ao Nosso Senhor Jesus . Deus te abencoe . Mara

James disse...

A Paz do Senhor, irmão Gutierres.

Muito tinhamos lido sobre o tipo de roupa usada pelos membros nas igrejas protestantes, agora, quase nada. Embora ser um dos temas mais polêmicos, entretanto, menos falado, o uso inadequado das vestes tem sido algo que os “chefes” de grandes igrejas usam para atrair o maior número possível de almas, sedentas por Deus, principalmente, nos últimos anos.

Tenho quase cinco anos de comunhão cristã e quase meio século de vida, e na adolescência notava que todas as igrejas protestantes daquela época, meados dos anos 70, todas mesmo, nas batistas, nas assembleianas, as mulheres crentes, em sua totalidade, usavam saias, os homens camisas abotoadas até o pescoço, manga comprida, e isso debaixo de um sol escaldante. Mas tudo mudou!!!

Século XXI, chega de passado, Deus quer só o coração!! Uma senhora que se dizia presbítera (aliás, na Bíblia, um presbítero tem que ser marido de uma mulher, e nem em dicionário consta tal termo; mas isto é um outro assunto), disse-me que eu lia muita Bíblia, e “que não havia o menor problema de um homem ir à igreja de bermuda”!!!Meu Deus!! Senhor da glória!!

O que aconteceu com a santidade da igreja?? Devemos nos permitir ser ousados, mas ousados no Senhor, em viver uma vida santa em temor a Deus. Ter temor de Deus, não é ter medo de Deus, mas fazer a vontade de Deus. Separar do mundo, da moda atual. Quando Jesus nos liberta, Ele nos resgata de todos os vícios, da soberba, da vaidade, da avareza. Somos libertos por Jesus Cristo, porque estar preso às modas do mundo??

Uma coisa podemos ter certeza, que o Senhor não quer ver o mundo dentro da igreja. Somos chamados para fora, somos tirados do mundo. Jesus por várias vezes quando era ameaçado se retirava para fora.

Veja um comentário de um editor de revistas, “Mas, nos anos 60, as moças adotaram a minissaia como afronta ao jugo moral imposto pelo homem e para promover a liberação das gerações femininas futuras. Foi uma febre que então se espalhou muito mais rapidamente que as calças compridas para mulheres, um outro signo de rebeldia.” (Alcino Leite Neto, 46, é editor de Domingo da Folha e editor da revista eletrônica Trópico.)

Com este simples comentário, podemos notar que nunca foi normal o uso de calça pelas mulheres, antes, porém, passou a ser símbolo de rebeldia.

Assim nos fala o Senhor:“Não haverá traje de homem na mulher, e nem vestirá o homem roupa de mulher; porque, qualquer que faz isto, abominação é ao SENHOR teu Deus.” (Deuteronômio 22:5)

Onde fica então a calça masculina e calça feminina?? Basta somente dizer que é calça feminina que não é “traje de homem”?? Pura enganação dos pregadores da teologia moderna.

Podemos ter certeza que o Senhor nos adverte quanto a nossa maneira de vestir, qual tipo de roupa usarmos!! Não se iluda, “Jesus Cristo é o mesmo, ontem, e hoje, e eternamente.” (Hebreus 13:8)

Devemos estar apercebidos pela Palavra de Deus. Devemos ter esperança na vinda de Jesus para nos levar para o céu, para a Jerusalém Celeste. O céu não é o Socor (onde o problema é coração), mas a Morada do Altíssimo, onde os santos estarão pela eternidade adorando o Senhor Deus Todo-Poderoso.

Nossos irmãos Paulo e Pedro admoestando e exortando a igreja à santificação e a postura das santas mulheres, no uso de seus vestidos, afirmam que não importa o que seja o exterior, entretanto, que as vestes sejam modestas com pudor. Notamos que, tanto Paulo como Pedro, chamavam a atenção para a simplicidade da mulher cristã.

Será que o pastor Pedro e o missionário Paulo admitiriam mulheres com os ombros à mostra, decotes ousados mostrando a metade dos seios, pernas também à mostra, calças e bermudas mostrando a silhueta do corpo feminino, podendo inclusive ver até a marca da roupa íntima, enfim, como as mulheres que se dizem protestantes hoje comparecem às igrejas?? (leiam-se protestantes: igrejas batistas, assembleianas, Deus é amor, renascer, Reino de Deus, etc, etc); apenas uma observação... se dentro das igrejas usam este tipo de vestimenta, o que dizer fora!! O Senhor nos vê em qualquer lugar!!

Mas pelo contrário, nossos irmãos afirmam:

“Que do mesmo modo as mulheres se ataviem em traje honesto, com pudor e modéstia, não com tranças, ou com ouro, ou pérolas, ou vestidos preciosos,” (1Timóteo 2:9)

“O vosso adorno não seja o enfeite exterior, como as tranças dos cabelos, o uso de jóias de ouro, ou o luxo dos vestidos,” (1Pedro 3:3)

Ainda, O pr. José Wellington B. Costa, compreendendo que se trata de uma decisão difícil de ser tomada e, ao mesmo tempo discernindo a pressão interna na AD entre a nova geração de pastores e os discípulos dos pioneiros, afirmara na 32ª AGO, realizado em Salvador, BA : “Lutaremos para a manutenção das doutrinas básicas e dos bons costumes que têm caracterizado as Assembléias de Deus. Creio ser possível unir o entusiasmo dos mais jovens à experiência dos mais velhos, sem que a transição mude o perfil da Assembléia de Deus no Brasil, que em sua essência, é uma igreja conservadora em que prima pela ortodoxia doutrinária”.

Temos certeza que o uso de saia/vestidos, cabelos longos por mulheres sem pinturas ou homens com cabelos cortados sem bermudas, não quer dizer que seremos santos e salvos, mas o SENHOR nos dá a certeza de que estamos no caminho certo da Verdade e da salvação.

Quanto aos demais, que em rebeldia afirmam que não há nada em usar qualquer tipo de roupa na igreja ou em outro lugar qualquer, adverte Paulo:

“Se esperamos em Cristo só nesta vida, somos os mais miseráveis de todos os homens.” (1Coríntios 15:19)


James de Almeida
AD Belo Horizonte
www.jesusmaioramor.blogspot.com

Mari disse...

Oi, desculpe mas li um dos comentario sobre calçar ser rebeldia, mas a calça para mulheres surgiu, na guerra onde as mulleres começaram a usar calça para sua propria proteção, porque os homens na guerra abusavam do sexo fragil, estuprando e queimando as perna das mulhers, e a calça surgiu como uma proteção a mulher, já que nos tempos antigos qdo as mulheres sofriam qualquer tipo de abuso era considerado sua propria culpa por ter deixado aquilo acontecer pois ela sempre foi considerada o sexo provocativo.
E Jesus foi o primeiro homem a ficar a favor das mulheres e e3 lutar por seus direitos como ser humano, como consta no caso da mulher adultera, quando todos os homens estavam atras dela pra julga=la e apedreja-la como era leia dos judeus apedrejar qualqquer um que fosse adultero, mas para aqueles homens só ela deveria ser apedrejada e o homem que estava com ela porque não foi levado a Cristo, porque sempre houve o machismo no mundo e Jesus venho exatamente para quebrar todos problemas e qualquer tipo de preconceito.
Como podemos ver nós dias de hoje ainda tempos o machismo dentro de igrejas, Pastores ao invés de orar e vigiar e jejuar pra manter suas vidas no altar preferem dizer que costumes de mulhers manterem se beleza porque assim eles mesmo não iram pecar, o problema que se surgi é que a propria palavra de Deus diz é "...meu peca por que não conhece a minha palavra..." Deus ta falando da ignorância de sua igreja, não sou contra tradições mas contra a ignorância, sabemos que os catolicos são muito mais reverentes que qualquer igreja das assembleia de Deus no BRASIL, porque já estive fora do país e as assembleia de Deus americana por exemplo de onde é o berço das assembléias, eles são super reverentes, não levam celular dentro das igrejas, vestem com descencia sendo calça ou saia ou bermuda, seja qual for a vestimenta deles estão sempre descentes, mas isso não é apenas para as igrejas, qdo você sai para fazer comprar você soh encontra na maior parte as roupas descentes.
A questão não eh a vestimenta e sim a doutrina, qdo vc sem entrega a Jesus e o Espirito Santo habita na sua vida você anda com descencia e reverencia seja dentro da igreja ou fora, a questão é ensinamento biblico e não costumes, foi o nosso país em si não tem costume, pois fomos povoado por todos os tipos de cultura e tradições e costumes, e devemos respeitar que tem pessoas que necessitam de costumes para poder manter sua santidade em Cristo, e outras aprendem a ter santidade de espirito por livre arbitrio, a fé e o cristianismo deve ser livre, e não imposto com costumes.
A fé é dever ser buscada e com isso a santidade também vem junto, com o buscar da vida cristã, não necessitamos de costumes imposto por homens e sim um crescimento espiritual e intelectual dentro das nossas igrejas, porque não são os costumes que nos levam a salvação e sim a fé.

Não quero de forma alguma que vocês pensem que sou contra costumes, sou favor da fé.

Tenho 26 anos nasci em lar evangelico, fiu batizado com Espirito Santo aos 13 anos de idade e me batize nas aguas aos 17 anos (um pouco cedo demais ao meu ver), sou formada em Engenharia, estudo a Biblia desde que eu comecei a ter problemas na adolecencia e não entendia a cabeça do meu pai e fui buscar resposta por mim mesmo (saibam que não apenas li a biblia como eu pedia pra Deus me orientar nas minhas leituras, porque até então ninguem respondia minhas questões e a biblia respondeu todas elas) e fui buscar resposta a verdades que eu não encontrei sobre costumes impostos sobre um povo que não procura estudar a biblia e dizia ser pecado todo o tipo de outras ideas e ideais.
Acho que a assembleia sempre pregou no brasil costume e eu dou graças a Deus que o meu Pastor pela infinita misericordia de Deus deu a ele intendimento para buscar o ensinar e doutrinar biblicamente e não pregar sobre costumes, pois acredito e tenho fé que outros irmão de outras denominações irão também fazer parte da igreja de Cristo lá no céu e ele não tenho costumes retrogrados.

Bem, pretendo logo fazer um mestrado em teologia para poder me aprofundar na biblia e costumes dos povos antigos e entender outras questões que ainda vagam pela minha cabeça em busca de resposta, e isto esta a caminho.

PS: O texto muito bem escrito. Adorei.

mateus r. j. disse...

A Paz do Senhor a todos.
Gostei muito do que foi apresentado nesse artigo, devemos sim nos trajar de maneira que agrade o Espirito Santo de Deus, mas na passagem em que nicodemus procura Jesus, quem estava vestido de "crente" era Nicodemus, logico que devemos ter ordem e descencia, mas ja esta mais que na hora de parar de confundir as coisas.

Haroldo disse...

É importante lembrar sobre a influencia malíguina no mundo da moda. e em todas as area da sociedade no brasil e no mundo.
negligenciar uso e costumes é achar que toda a moda e tendencias humas são só fruto da mente humana.
Jesus disse que nos ultimos dias amotoariam para si doutores conforme as suas concupciencias.
pessoas que causariam divisoes sensuais nas igremas...
Harodo Procópio de Oliveira.
Curitiba Pr.

Anônimo disse...

muito complicado o povo de Deus

Jeff disse...

ALOHA!


GOSTEI DAS COISAS QUE LI, MESMO QUE POR CIMA, NO BLOG!

Anônimo disse...

Caro irmão Gutierres!

Se usos e costumes fazem parte da identidade de uma instituição no caso a igreja, porque o Senhor Jesus que é o fundador da mesma mt 16.18 não ensinou sobre o assunto??

Anônimo disse...

RONEY ESPIRITO SANTO,PAZ DO SENHOR IRMAO. A SUA MATÉRIA PRECISA SER DIVULGADA,TAMBEM NAS REVISTAS DAS ESCOLAS DOMINICAIS EDITADA PELA CPAD.DEVIDO MUITOS DE NÓS ASSEMBLEIANOS (OBREIROS)ENSINAR QUE O USO E COSTUME É DOUTRINA E QUEM NÃO MATEM ESTA TRADIÇAO VÃO TODOS PARA O INFERNO. SOU PRESB.PERTENÇO A ASSEMBLEIA DISCORDO DESSE PENSAMENTO,MAS UMA ANDORINHA SÓ NA FAZ VERÃO. INFELISMENTE P/VERGONHA NOSSA....
ESTAMOS FECHANDO A PORTA DO CÉU E ABRINDO A PORTA DO INFERNO COM ESTES PENSAMENTOS HERÉTICOS . GRAÇA E PAZ...

Anônimo disse...

MEUS QUERIDOS SOU AINDA JOVEM MAS ME LEMBRO QUE CULTO DE DOUTRINA TRATAVA
SIM DE COMO DEVE COMPORTAR O CRISTÃO
HOJE JA NÃO SE CHAMA MAIS CULTO DE DOUTRINA,VIROU UMA MISTURADA E AINDA TEM CRENTE QUE COMEMORA ESTA MUDANÇA E FICA TENTANDO IMPOR EXPLICAÇÕES DIZENDO QUE USO E COSTUMES E QUESTÃO DE CULTURA. COMO FICA OS INDIOS QUANDO SE CONVERTE ? LOGO COLOCA ROUPAS NÃO É ? E QUANDO DEUS PREPAROU ROUPAS PARA ADÃO E EVA, E OS APOSTOLOS ENSINOU SOBRE OS ENFEITES QUERIDOS
OS MISSIONARIOS PODEM ATE TER TRAZIDO COSTUME EUROPEUS COMO ALGUNS DIZEM,MAS ESTE QUE DIZEM ISTO ESQUECE QUE A CALÇA JEANS É DE ORIGEM DE OUTROS PAISES E QUE FAMOSOS DO MUNDO INTEIRO SÃO MODELOS A SER COPIADO INCLUSIVE POR CRISTÃOS ENTÃO ESTA EXPLICAÇÃO DE CULTURA NÃO BATE DE JEITO NENHUM
E MAIS TENHO RELATOS INCLUSIVE DE MINHA FAMILIA DE PESSOAS QUE VESTIA
QUE NEM UMA MUNDANA E QUE NINGUEM O FAZIA MUDAR.ESTA PESSOA FOI DA ASSEMBLEIA DE DEUS AFASTOU DA IGREJA E QUANDO VOLTOU FOI PARA ESTAS IGREJAS QUE QUASE TUDO E NORMAL MAS DEUS TRATOU COM ELA E O ESPIRITO SANTO FALOU FORTEMENTE COM ELA COMO DEVERIA SE VESTIR E NÃO FOI HOMEM ALGUM ,CONCLUSÃO VOLTOU P/ ASSEMBLEIA DE DEUS E HOJE
DEUS USA TREMENDAMENTE EM SUAS MÃOS
MEUS AMADOS DEUS NÃO É DE CONFUSÃO E QUEM CONVENCE A PESSOA É O ESPIRITO SANTO.MAS A ASSEMBLEIA DE DEUS ESTÁ MUITO MUDADA E O RESULTADO É CULTOS ESTILO NEL PENTECOSTAL E AQUELA SIMPLICIDADE JA QUASE NÃO EXISTE.QUE QUANDO OS CRENTE ERAM OBIDIENTES ,MESMO QUANDO O PASTOR DITAVAM UMA REGRA E
OS CRENTES ACATAVAM,UMA COISA POSSO
AFIRMAR DEUS MNIFESTAVA SUA GLORIA E QUANTAS VEZES O CULTO UTRAPASSAVA O HORARIO E OS CRENTES QUERIAM CONTINUAR POIS JESUS OPERAVAM MILAGRES BATIZAVA NO ESPIRITO SANTO ISTO EM QUALQUER CULTO .A ASSEMBLEIA DE DEUS INFUENCIAVA AS DEMAIS E ISSO NÃO ERA BOM ? P/ QUE MUDAR SE DEU CERTO
A QUAL TORNOU A MAIOR DENOMINAÇÃO DO PAÍS ? O PASTOR POR MEDO DE PERDER SEUS MEMBROS DEIXOU DE ENSINAR,E QUANTO ISSO O MUNDO ENSINA E NÃO É QUESTÃO DE CULTURA E SIM DA MODA DO MOMENTO QUE MAL TEM SER CONSERVADOR SE SOMOS SOLDADOS DE CRISTO ORA SOLDADO TEM DESTAQUE E DIFERENTE QUANDO ESTÁ EM BATALHA , O MAIS INCRIVEL É QUE NÃO ESTÃO RESPEITANDO NEM A CASA DEUS. SE QUER ANDAR DE QUALQUER JEITO,PELO MENOS NA CASA DE DEUS SE APRESENTE QUE NEM UM VERDADEIRO CRISTÃO.CREIO QUE VCS ESTÃO VENDO ISTO NO NOSSO MEIO.

Pastor Joao Ribeiro disse...

Aquele que aceita jesus, nasce de novo, portanto nova criatura é, e necessario mudança de usus e costumes sim...Pastor joao ribeiro, meu imail joaoribeiro61@brturbo.com.br

Pastor Joao Ribeiro disse...

Aquele que aceita jesus, nasce de novo, portanto nova criatura é, e necessario mudança de usus e costumes sim...Pastor joao ribeiro, meu imail joaoribeiro61@brturbo.com.br

elson divino disse...

estes pastores que batizam mulheres e homens fumando bebendo , e que pregam que as irmas podem se vestir como catolicas , dizem que jesus so que o coração ,são pastores endemoniados usados pelo capeta! e claro que temos que ensinar com amor e sermos temperados , mais não concordo com este povo que diz ser crente e anda pior que o povo do mundo . 1 timotio = cp , 2 , vc , 9 , 10 , 11 fala de trazos onestos , isto nunca acaba, pode acabar o arroz o feijão no mundo , mais deus não vai abrir mão da sua palavra santa ,estas igrejas dos pastores de cabritos , daqui uns 20 anos ou menos , suas crentes estrão andando nus dentro delas , pelados sem roupas , porque o mundo caminha pra isto , e os pastores mundanos também , ja andam amaziados , divorciam e estão casando de novo , mentem , são politicos que uzam seus menbros para votarem neles , seus cabritos estão cegos , não querem enxergar ! querem um jesus facil , um evangelho sem renuncia , pregam ate que e por graça , e vivem na carne pensando que estão na graça , mais estão na desgraça do pecado , so pensam em ficar ricos , enventaram agora a doutrina da prosperidade , fazem agora negocio com deus , misericordia , vamos fujir destes lobos e destas fausas sinagogas de satanas , aonde ha o espirito de zesabeu e do anti cristo , e do fauso profeta.fujam irmãos enquanto ha tempo .apocalipse= cap , 22 , vc , 11.

Anônimo disse...

Danielzinho comenta.

Não existe diferença entre usos e costumes na igreja.

Os defensores da liberização dos costumes usam argumentos soporíferos,sofismáticos e sem sentido!

Mas o fato é que o mundo entrou na igreja e os pastores estão apascentando a sí mesmos.

A classe média ficou "evangélica"e os pastores,visando atrai-los com seus polpudos dízimos,achou por bem aceitá-los de qualquer maneira,para isso,abolindo os bons costumes,pois isso distanciava os endinheirados,com os costumes santos que aos olhos deles eram medievais!

DUVIDO MULHER QUE USA CALÇA;SE MAQUIA,CORTA CABELOS E ANDA FEITO UMA JEZABEL IR PRO CÉU!!!

Tudo muda;mas Deus e a sua Santa Palavra não mudarão jamais!!!!

Tiago Vieira disse...

Graça e Paz irmão Gutierres!

Muito me entristeço, em espírito, por ler alguns comentários que são totalmente incoerentes, sem apoio bíblico, e sem pelo menos um entendimento cultural.
Não escrevo isso para denegrir a nenhum irmão, se não, não demonstraria ter nascido de novo. Escrevo com todo Temor e Tremor diante do Deus Vivo e de todo respeito pelo irmão Gutierrres! 2Tm 2.24,25

Quem leu a todos os comentários percebeu algumas pessoas, com até certa alegria, demonstrar prazer em saber q seus irmãos irão para o castigo eterno, que foi preparado por nosso Deus, para o diabo e seus anjos, sem nenhum sentimento de Amor ou pesar. Totalmente diferente de Moisés "Agora, pois, perdoa o seu pecado, se não, risca-me, peço-te, do teu livro, que tens escrito."Ex32.32

Onde fica o mandamento "Amarás ao teu próximo COMO A TI MESMO" e o apóstolo amado nos dá um entendimento ainda maior "Se alguém diz: Eu amo a Deus, e odeia(não ama ou não se preocupa com) a seu irmão, é mentiroso. Pois quem não ama a seu irmão, ao qual viu, como pode amar a Deus, a quem não viu?"1Jo4.20

No entanto não estou dizendo que por amor devemos aceitar, ou ser participantes dos costumes seculares, as obras da carne. Mas muito me deixa preocupado que pessoas, que dizem ser cristãs se importarem em demasia com as ROUPAS (Homens: calças, gravatas, camisas sociais e etc. Mulheres: saias, vestidos ou mantos e etc.) e ADORNOS (sejam brincos, colares, pulseiras. Mas,cinto, relógio, aliança de casamento, os broches muito usados pelas esposas de muitos ministros, presilha de gravata também são).Ao invés do que realmente importa: Regeneração, Transformação e o produzir Frutos dignos de Arrependimento Lc3.8.

Onde fica o texto de 1Tm 2.9? Que diz "Que do mesmo modo as mulheres se ataviem em traje honesto, com pudor e modéstia, não com tranças, ou com ouro, ou pérolas, ou vestidos preciosos,". Muito interessante não irmão Gutierres? Hum, vestidos preciosos, esse último em muitas vezes, mas ninguém quer observar.

Bom, a uma lei da Hermenêutica que nos diz assim: "Texto sem contexto é pretexto para heresia" logo, quando tiramos esse verso de seu contexto virá pretexto! Mas devemos ter todo o entendimento do capítulo para ver o que o Senhor Jesus quer nos falar e ensinar. Teve um irmão que disse a seguinte frase: "DUVIDO MULHER QUE USA CALÇA;SE MAQUIA,CORTA CABELOS E ANDA FEITO UMA JEZABEL IR PRO CÉU!!!" ,bom também duvido das irmãs que usam roupão, não cortam os cabelos, não se cuidam para os seus maridos, negligenciando os mandamentos do Senhor em questão, que não respeitam seus esposos, MAS que vivem em roda de fofoca e FAZEM muitas outras coisas, quem lê entenda, ENTRAREM NO CÉU. Não é o uso disso ou daquilo que nos dará acesso ao Pai, mas sim, os que fazem a Sua Vontade Mt7.21 Nota: não estou indo em particular contra o irmão, mas sim, contra o pensamento da maioria dos comentaristas, foi somente o meu exemplo. certo?

Se tivermos um entendimento superficial do texto, em referência ou de qualquer outro, criaremos uma HERESIA. O que diz o restante do texto de 1Tm 2.9-15? Diz assim, irei colocar alguns pensamentos referentes à análise superficial dos versículos em negrito. Não colocarei todo o texto, para não ocupar muito espaço: no verso 11 então as irmãs missionárias, diaconisas, dirigentes e as que são membros não podem se pronunciar, falar. certo? No verso 12 novamente, e agora muito mais pesado. Não podem ENSINAR, ou seja, trazer MENSAGENS, explicar dúvidas e afins, visto que é um ensinamento. e no verso 15
de acordo com esse verso, isolado, elas se salvariam GERANDO filhos, particularmente e com respeito as digníssimas irmãs, muito fácil, não? Claro que não é esse o sentido do texto, antes que me torne outro HEREGISTA de plantão. Rs o sentido é que se vistam com HONESTIDADE, MODÉSTIA. Mas não significa algum tipo específico, pois existe irmãs que mesmo de sai, vestido ou afins, não se enquadram nessa passagem. CONTINUA...

Dc.Tiago Vieira disse...

Agora, outra passagem:"Não haverá traje de homem na mulher, e nem vestirá o homem roupa de mulher; porque, qualquer que faz isto, abominação é ao SENHOR teu Deus."Dt 22.5. Bom, se levarmos ao pé da letra, sem o entendimento espiritual, seria assim: Os homens não podem usar roupas(trajes) de mulher tais como: saias, vestidos, mantos e afins, e nem as mulheres podem usar roupas(trajes) masculinos tais como: calça, sapato, camisa social, Blazer, gravata e afins. certo? Por que é isso que o texto transcreve superficialmente. Mas se ler o texto, sem a análise da cultura da região e dos COSTUMES da sociedade da época, perderemos o VERDADEIRO sentido e entraremos em CONTRADIÇÃO com a Palavra Sagrada! Como assim? É isso mesmo CONTRADIÇÃO COM A PALAVRA leiamos em Ap19.12,13,16 ACF: "Depois destas coisas olhei, e eis aqui uma multidão, a qual ninguém podia contar, de todas as nações, e tribos, e povos, e línguas, que estavam diante do trono, e perante o Cordeiro, trajando vestes brancas (entende-se de MANTO que igual a VESTIDO, que é um traje feminino, como pode se é PROIBIDO?!) e com palmas nas suas mãos;"Ap7.9 e também "E os seus olhos eram como chama de fogo; e sobre a sua cabeça havia muitos diademas; e tinha um nome escrito, que ninguém sabia senão ele mesmo. E estava vestido de uma veste (manto=vestido, O SENHOR Jesus também?) salpicada de sangue; e o nome pelo qual se chama é a Palavra de Deus. E no manto(VESTIDO) e na sua coxa tem escrito este nome: Rei dos reis, e Senhor dos senhores.". Entenderam? Claro que a Palavra de Deus não possui CONTRADIÇÕES, por si só, mas PODEMOS FAZER COM QUE TENHA, por isso temos a existência de tantas seitas.

De antemão vamos entender que não está escrito VESTIDO e sim MANTO, mas hoje em dia todos têm esse entendimento. Vamos fazer um EXEGESE do texto entrando em concordância com o TEMPO, CULTURA, COSTUMES da ÉPOCA. 1º quando Moisés escreverá isso, de acordo com a tradição, temos quer ter em mente que tanto HOMENS quanto MULHERES usavam vestidos, esses se diferenciavam pelos seus detalhes (muito parecido com hj em dia, não? Calça masculina tem um formato e a feminina outro.); 2º temos que levar em consideração a capacidade intelectual do ser, homem, Moisés e também João. Eles não tinham o conhecimento que temos hoje, a tecnologia e outras tantas informações que possuímos. Claro que o SENHOR todo Poderoso sabendo das nossas LIMITAÇÕES, e das deles, revelou a seus SANTOS uma forma na qual entenderiam sem a perda do SENTIDO do texto. Por fim, 3º O VERDADEIRO SENTIDO de Dt 22.5 é mostrado em Romanos, pelo Apóstolo Paulo, pois a Palavra Sagrada, por si só se completa. Rm1.23-32 "Por isso Deus os abandonou às paixões infames. Porque até as suas mulheres mudaram o uso natural, no contrário à natureza.
E, semelhantemente, também os homens, deixando o uso natural da mulher, se inflamaram em sua sensualidade uns para com os outros, homens com homens, cometendo torpeza e recebendo em si mesmos a recompensa que convinha ao seu erro.
E, como eles não se importaram de ter conhecimento de Deus, assim Deus os entregou a um sentimento perverso para fazerem coisas que não convêm;”Ou seja, a PRÁTICA DO HOMOSSEXUALISMO! Homens sendo como Mulheres e Mulheres sendo como Homens. É isso o que está sendo condenado pelo Nosso Senhor e Salvador Jesus Cristo. Por fim, escrevo esse texto Cl2.22 “Se, pois, estais mortos com Cristo quanto aos rudimentos do mundo, por que vos carregam ainda de ordenanças, como se vivêsseis no mundo, tais como:
Não toques, não proves, não manuseies?

As quais coisas todas perecem pelo uso, segundo os preceitos e doutrinas dos homens;
As quais têm, na verdade, alguma aparência de sabedoria, em devoção voluntária, humildade, e em disciplina do corpo, mas não são de valor algum senão para a satisfação da carne.”Sem esquecer de Gl 5.13!
Que o Senhor nos dê o pleno conhecimento de Sua Revelação, através de nosso Cristo Jesus.
Em Cristo,
Dc.Tiago Vieira, AD de Pedra de Guaratiba, Rio de Janeiro

Tiago disse...

Graça e Paz irmão Gutierres!

Muito me entristeço, em espírito, por ler alguns comentários que são totalmente incoerentes, sem apoio bíblico, e sem pelo menos um entendimento cultural.
Não escrevo isso para denegrir a nenhum irmão, se não, não demonstraria ter nascido de novo. Escrevo com todo Temor e Tremor diante do Deus Vivo e de todo respeito pelo irmão Gutierrres! 2Tm 2.24,25

Quem leu a todos os comentários percebeu algumas pessoas, com até certa alegria, demonstrar prazer em saber q seus irmãos irão para o castigo eterno, que foi preparado por nosso Deus, para o diabo e seus anjos, sem nenhum sentimento de Amor ou pesar. Totalmente diferente de Moisés "Agora, pois, perdoa o seu pecado, se não, risca-me, peço-te, do teu livro, que tens escrito."Ex32.32

Onde fica o mandamento "Amarás ao teu próximo COMO A TI MESMO" e o apóstolo amado nos dá um entendimento ainda maior "Se alguém diz: Eu amo a Deus, e odeia(não ama ou não se preocupa com) a seu irmão, é mentiroso. Pois quem não ama a seu irmão, ao qual viu, como pode amar a Deus, a quem não viu?"1Jo4.20

No entanto não estou dizendo que por amor devemos aceitar, ou ser participantes dos costumes seculares, as obras da carne. Mas muito me deixa preocupado que pessoas, que dizem ser cristãs se importarem em demasia com as ROUPAS (Homens: calças, gravatas, camisas sociais e etc. Mulheres: saias, vestidos ou mantos e etc.) e ADORNOS (sejam brincos, colares, pulseiras. Mas,cinto, relógio, aliança de casamento, os broches muito usados pelas esposas de muitos ministros, presilha de gravata também são).Ao invés do que realmente importa: Regeneração, Transformação e o produzir Frutos dignos de Arrependimento Lc3.8.

Onde fica o texto de 1Tm 2.9? Que diz "Que do mesmo modo as mulheres se ataviem em traje honesto, com pudor e modéstia, não com tranças, ou com ouro, ou pérolas, ou vestidos preciosos,". Muito interessante não irmão Gutierres? Hum, vestidos preciosos, esse último em muitas vezes, mas ninguém quer observar.

Bom, a uma lei da Hermenêutica que nos diz assim: "Texto sem contexto é pretexto para heresia" logo, quando tiramos esse verso de seu contexto virá pretexto! Mas devemos ter todo o entendimento do capítulo para ver o que o Senhor Jesus quer nos falar e ensinar. Teve um irmão que disse a seguinte frase: "DUVIDO MULHER QUE USA CALÇA;SE MAQUIA,CORTA CABELOS E ANDA FEITO UMA JEZABEL IR PRO CÉU!!!" ,bom também duvido das irmãs que usam roupão, não cortam os cabelos, não se cuidam para os seus maridos, negligenciando os mandamentos do Senhor em questão, que não respeitam seus esposos, MAS que vivem em roda de fofoca e FAZEM muitas outras coisas, quem lê entenda, ENTRAREM NO CÉU. Não é o uso disso ou daquilo que nos dará acesso ao Pai, mas sim, os que fazem a Sua Vontade Mt7.21 Nota: não estou indo em particular contra o irmão, mas sim, contra o pensamento da maioria dos comentaristas, foi somente o meu exemplo. certo?
Se tivermos um entendimento superficial do texto, em referência ou de qualquer outro, criaremos uma HERESIA. O que diz o restante do texto de 1Tm 2.9-15? Diz assim, irei colocar alguns pensamentos referentes à análise superficial dos versículos em negrito. Não colocarei todo o texto, para não ocupar muito espaço: no verso 11 então as irmãs missionárias, diaconisas, dirigentes e as que são membros não podem se pronunciar, falar. certo? No verso 12 novamente, e agora muito mais pesado. Não podem ENSINAR, ou seja, trazer MENSAGENS, explicar dúvidas e afins, visto que é um ensinamento. e no verso 15
de acordo com esse verso, isolado, elas se salvariam GERANDO filhos, particularmente e com respeito as digníssimas irmãs, muito fácil, não? Claro que não é esse o sentido do texto, antes que me torne outro HEREGISTA de plantão. Rs o sentido é que se vistam com HONESTIDADE, MODÉSTIA. Mas não significa algum tipo específico, pois existe irmãs que mesmo de sai, vestido ou afins, não se enquadram nessa passagem. CONTINUA...

Anônimo disse...

Danielzinho comenta:

Aos defensores da liberização dos usos e costumes por parte dos crentes:

Hoje o que não falta são exegetas do "NÃO TEM PROBLEMA",os hermeneutas do "É PROIBIDO PROIBIR",OS TEÓLOGOS DO "deus só quer o coração"

Pois bem,pensem o que quiserem,mas nós,os ultra conservadores,os hiper-radicais que ainda defendem ardorosamente os bons costumes na casa de Deus,mormente nos arraiais assembleianos,taxados desdenhosamente pelos relaxados ultra liberais de fariseus e fanáticos,temos os seguintes apoios:


Lutero,Wesley,Spurgeon,Daniel Berg,Vingren,o Apóstolo Paulo ,e demais apóstolos,os pais da igreja e os pais do pentecostalismo estão todos do nosso lado,principalmente o exemplo maior:o meigo Cristo.

Sendo assim "sabemos em quem temos crido" e estamos dispostos a batalhar até a morte o "DEFENDER A FÉ QUE UMA VEZ POR TODAS FOI DADA AOS SANTOS" do apostolo Judas.

Sem mais,

A paz do Senhor.

Danielzinho,.

Haroldo Procópio de Oliveira disse...

A tendencia religiosa da nossa éra é propícia para igrejas que não interfíram na vida pessoal de seus membros.
A sociedade moderna quer ganhar a salvação de graça, sem que isso interfíra em seu modo de viver e agir.
falar de uso e costumes nesse contexto é muito difíssil, pois é um assunto que não agrada,a menos que o discurso seja aquele que os ouvídos querem ouvir.
a corrupção veio de todas as formas no meio evangélico no Brasi e no mundo, hoje temos pastores que fazem comércio do ministério,obreiros que conseguem o cargo de uma maneira sorrateira, e os princípios básicos para a consagração ministerial ficam de lado,como se fossem só para os dias apostólicos.
diante desse fato que não podemos negar de forma alguma, a questão de usos e costumes fica fora da pauta,alguns pastore até folam sobre o assunto, mas de uma maneira
subliminar . pois vivemos em tempos que ninguém aguenta viver sobre proibiçãos,adolescentes jovens e senhoras e senhores que almejam por liberdade em todas a áreas da vida.
negar os próprios desejos não é aceitável em nossos dias...
mas dinte desse quadro virá Jesus arrebatar sua igreja que sairá de dentro da igreja.
a igreja do arrebatamento ela não se contamina,ela faz a diferença em todos os tempos...não somente com aparencia, mas no caráter na vivencia de um cristianismo verdadeiro...
Haroldo Procópio de Oliveira Curitiba Pr.

Isaac Marinho disse...

Danielzinho, meu filho, é Lutero bebia cerveja (leia: http://goo.gl/8brIq) e Spurgeon fumava charutos (leia: http://goo.gl/BTZsY)...

Se você ou outros que aqui comentaram fossem contemporâneos deles, com certeza os censurariam, condenariam ou diriam que estavam caminhando direto para o inferno.

Otoniel M. de Oliveira disse...

Parabenizo pelo post, e deixo aqui um comentário baseado nas respostas dos seus seguidores: " O grande perigo são os extremos" pouca gente se dá conta desta verdade...Deus continue te usando, para esclarecer temas ousados e polêmicos!

Anônimo disse...

Danielzinho comenta:

gostei disso:

"a igreja do arrebatamento ela não se contamina,ela faz a diferença em todos os tempos...não somente com aparencia, mas no caráter na vivencia de um cristianismo verdadeiro...
Haroldo Procópio de Oliveira Curitiba Pr."

É por aí mesmo...

doni disse...

particularmente não vejo diferença entre doutrinas bíblicas e costumes bíblicos.se foram ensinados os bons costumes dentro da palavra de DEUS ,eles tem valores para todas as épocas.e já que doutrina quer dizer ensino,e se os bons costumes foram ensinados não há como separar uma coisa da outra.JESUS disse para limpar o interior do copo,prato primeiro,para que o exterior também fique limpo.a limpeza começa de dentro para fora.não podemos viver de aparências,porém não devemos andar de qualquer maneira causando escândalo ao evangelho.a palavra de DEUS condena a sensualidade,tanto no comportamento que vem de dentro do ser humano,como na maneira exterior de ser.em cada povo DEUS tem uma forma de lhe agradar.no Brasil ,há um jeito melhor da igreja se apresentar ao mundo,para agradar a DEUS e não dar escândalos.na igreja primitiva as mulheres mais velhas tinham uma grande missão de ensinar as mais novas a se trajarem com pudor(pureza) e modéstia(vergonha)e a serem sérias(de respeito) no seu viver.isso era ensinado e doutrina quer dizer ensino.1tm cap.2vs9e10 ,tito cap2 e vs1 ao 8.não julgo ninguém ,ou a salvação por isso.DEUS E SUA PALAVRA é que pode julgar.respeito todas as opiniões,pois sei que cada um dará conta de sí a DEUS.abraços a todos e que oremos uns pelos outros como JESUS nos ensinou pedindo um reavivamento espiritual entre o povo de DEUS.AVIVA A TUA OBRA SENHOR ...!!!

Inaldo dos Anjos Maurício disse...

QUEM FOI A ASSEMBLÉIA DE DEUS, QUE SAUDADE! ANTES EU NÃO ERA CRENTE, NÃO ERA CRISTÃO E OBSERVAVA COMO OS CRENTES AGIAM, SE TRAJAVAM, FALAVAM, SE COMPORTAVAM, COMO ERAM DIFERENTES, TÃO DIFERENTES QUE EU NÃO ME ACHAVA EM CONDIÇÕES DE IMITÁ-LOS. MEUS PAIS SÃO DA ASSEMBLÉIA DE DEUS HÁ DÉCADAS E EU FICO A IMAGINAR O QUE OS POBREZINHOS SOFREM QUANDO VÊEM ESTA IGREJA "MEQUETREFE" DOS DIAS ATUAIS. QUANDO ACEITEI A CRISTO A IGREJA, DIGO, OS SEUS MEMBROS AINDAM SE RESPEITAVAM E RESPEITAVAM AO DEUS TODO PODEROSO, LOGO QUE ENTREI A COISA "DESENGRINGOLOU", SERÁ QUE SOU EU O CULPADO? HEYYYYYYYYYYYYY!!!!! QUERO A ASSEMBLÉIA DE DEUS DE VOLTA, COM HINOS DA HARPA CRISTÃ, COM CORINHOS, COM CÍRCULO DE ORAÇÃO CHEIO DE FOGO, (AGORA TEM ATÉ FILHO DE PRESBÍTERO QUE VEM DE "FOGO"), QUERO CULTO DE DOUTRINA PARA MEMBROS, QUERO A ESCOLA DOMINICAL, QUERO O GRUPO DE CRIANÇAS CANTANDO LOUVORES E CORINHOS INFANTIS (NA MINHA IGREJA AS CRIANCINHAS ESTÃO DANÇANDO FUNK E MELÔ DO PATITO), QUERO DE VOLTA OS VARÕES DE CRISTO, O GRUPO LÍRIOS DOS VALES, O JARDIM DE DEUS, EL-SHADHAI, PRIMÍCIAS DE CRISTO, SHALLOM, BANDA SINAHY, OSÉIAS DE PAULA, E TANTA COISA BOA QUE ALÉM DE TUDO AINDA AJUDAM A IR PARA O CÉU. FORA CANTORES ÍDOLOS, PASTORES QUE SÓ PENSAM EM DÍZIMOS E OFERTAS PARA CONSTRUIR TEMPLOS BONITOS ENQUANTO O TEMPLO QUE IMPORTA PARA DEUS ESTÁ APODRECENDO, MORRENDO. HEYYYYYYYYYYYYYYYYYYY!!! VOCÊS ESTÃO "DIZIMANDO" A NOSSA FÉ!!! LEIAM JEREMIAS 23 E FALEM A VERDADE SOBRE MALAQUIAS, NÃO TENTEM ME ENGANAR, ENQUANTO JESUS NÃO VOLTA EU DAQUI FICO ORANDO E JEJUANDO PARA O SENHOR JESUS ME MOSTRAR UM LUGAR ONDE REALMENTE VOU ENCONTRÁ-LO.

INALDO MAURÍCIO
inaldodosanjosmauricio@oi.com.br

DEFENDENDO A FÉ QUE UMA VEZ FOI DADA AOS SANTOS!!! disse...

Amado irmão Inaldo Maurício...

Concordo 100% com o irmão.

QUE SAUDADES DA VELHA ASSEMBLÉIA DE DEUS!!!

Que Deus venha iluminar os crentes nesses tempos do fim!!!

PR.VILMAR disse...

A Paz do SENHOR
excelente artigo parabéns cabe a cada um saber definir o limite e ter um bom entendimento com ajudo do ESPÍRITO SANTO pois é ele quem convence o homem do pecado da justiça e do juiso.

Anônimo disse...

ozaniel silva pereira de buriticupo
quero fazer um rapido commentario q assembleia de buriticupu ainda tem vindo conservando as doutrinas e gosto muito de particepar desta igreja .''desde então ela preenche as mnhas espectativas como cristão''e gostaria q todas as AD do Brazil conservasse as doutrinas assim estaremos mas perto de Deus

pastor Eliezer disse...

exelente e esclarecedor este artigo, fui edificado e creio desta maneira

Gilson disse...

CONCORDO QUE OS USOS E COSTUMES SÃO EFEITOS DA VERDADEIRA CONVERSÃO.
[DIZ O TEXTO]
(Usos, práticas e costumes. Esses últimos, quando bons, devem ser o efeito da santificação, e não a causa dela)

Isso me dá a entender que as pessoas não estão sendo alcançadas pela pregação, pois o efeito que se percebe hoje numa grande maioria é o efeito das novelas da globo, e dos modelos de vaidade que o mundo prega. fica uma pergunta os costumes dos liberais é efeito de que pregação?

Isaias alves disse...

muito bom este assunto esclarecedor.eu conheço muitas pessoas que foram derrotadas nas igrejas por causa de usos e costumes. obreiros proveitaram dos usos ecostumes para colocar os seus usos e costumes PARTICULARES nas pessoas.

Anônimo disse...

Esses dias ouvi um irmão "legalista" dizendo que a mulher não pode usar brinco baton etc... porque não nasceu de brinco nem de batom por isso não deve usar! bom se for assim não devemos usar roupas porque quando nascemos não nascemos de camisa, blusa, calsa... notamos que não existe bases biblicas para sustentar tais ensinos nem almenos colocar no mesmo patamar da doutrina veja: Em Genesis cap.24:29-30 rebeca usava pendentes e pulseiras que ganhou do servo de Abrão nem por isso ela era uma mulher mundana! vejam também que na primeira carta de pedro Cap.3vs3 diz que:" Não seja o enfeite delas... o significado da palavra enfeite é beleza correto?Sendo assim ele não está proibindo o uso da joias ou do frisado de cabelo mas sim está dizendo que é no interior que se constitui abeleza da mulher! mas isso não quer dizer que a mulher não pode usar!

Missões para Todos disse...

Gutierres parabéns pelo esclarecimento. pelo que vi esse assunto revela uma inquietante dúvida para os irmãos que aderem os Usos e Costumes e a maioria ainda tem colocado modos humanos como doutrina divina. Que o Senhor traga o entendimento de sua vontade a nós. fico pensando quando as pessoas do mundo se aproximarão das igrejas se parece que vivemos num mundo a parte, tão distante deles. Tiago fala que a verdadeira religião é cuidar dos órfão e viúvas e guardar-se incontaminado do mundo. Tem muita coisa contaminada por dentro de roupas sociais, ou de roupas simples, é isso que precisamos entender. No arrebatamento quem será transformado é o nosso corpo e não as vestes. abraços amigo, e mais uma vez parabéns pela postagem!

Orlando disse...

NÃO QUERO (E ABOMINO) A AD, NEM A DA, NEM A CCB, NEM A CB, NEM A..., DOS PSEUDOCRENTES SENTIMENTALISTAS, ANTI-INTELECTUAIS, LEGALISTAS, ARCAICOS, SISUDOS, ATEÓRICOS, ANALFABETOS, ASCÉTICOS, RETARDADOS, MALTRAPILHOS, PIDÕES, PEDANTES, WELLIGTISTAS, ANTIBÍBLICOS, INADIMPLENTES, ILÓGICOS, EISEGÉTICOS, AÉTICOS, MATERIALISTAS, AGNOSTICISTA (NO QUE CONCERNE A EPISTEMOLOGIA), DENOMINACIONALISTAS/ ECLESIÓLATRAS, AUTORITARISTAS, HIPER-ILUMINISTAS (NO QUE CONCERNE A PARACLETOLOGIA) - COM APARÊNCIA DE PIEDADE MAS NEGANDO SUA EFICÁCIA, SEM CONDIÇÕES DE DISCERNIR SEU CONTEXTO IMEDIATO OU REMOTO, OU SEJA, TUDO O QUE OS GRANDES CRISTÃOS/LÍDERES DA HISTÓRIA DA IGREJA (NO QUE CONCERNE A MÍSTICA/UNIVERSAL/INVISÍVEL) NÃO FORAM!!!

Será que faltou alguma coisa? Sempre falta dizia Walter Martin (1992)! Que droga hein!

Ótimo texto Guti!
PERDÃO PELA REDUNDÂNCIA!

ABRAÇOS A TODOS
Orlando
souteologico.blogspot.com

draquinho disse...

Bem Aventurado,Gut!A palavra de Deus nos diz:O meu povo erra por não conhecer as escrituras.Parabéns por essa Doutrina Celestial!

draquinho disse...

Bem aventurado irmão Gut! A palavra de Deus no diz: O meu povo erra por não conhecer as escrituras.
Obrigado por essa san Doutrina Celestial.

Anônimo disse...

A paz do Senhor irmão Gutierres!otimo artigo;Diferenciar doutrinas biblicas de usos e costumes,que faz parte da cultura de cada povo,ex:na escócia há o kilt(saiote escoces)dele tem o masculino e o feminino,é semelhante a uma minisaia quadriculada,é o costume a cultura daquela etnia,isto restringe o acesso ao céu?!È claro que não.Quanto a naturza feminina e masculina a inversão do uso natural,comentada por um companheiro se refere ao homossexualismo e não a roupas.DEUS nos colocou aqui como servos e mensegeiros do evangelho,para ajudar ao próximo,e não pra sermos JÚIZ,ou tomarmos o lugar do DIABO que é de acusador,e assim condenarmos o homem ao inferno;tomemos pois cuidado ao condenar alguém ao inferno,pra que essa pessoa não va realmente e montada em nossas costas! DEUS ABENÇOE A PAZ E UM FORTE ABRAÇO.

Evangelista Laércio disse...

Muitooo bom, geralmente é assim quem congrega em uma igreja Rígida q presa pelos usos costume não vai aceitar nada do que foi postado! a salvação dele e dela não esta em JESUS, esta nos usos e costume. INFELIZMENTE TENHO PENA DELES E DELAS. Mais DEUS abençõe, ñ deixe de postar a verdade.

Davi disse...

Após uma rápida leitura do texto e dos comentários subsequentes, desde já elogio o irmão pela excelente iniciativa, e gostaria de colocar alguns pontos:

- Jesus lida com igrejas locais, como podemos ver nas cartas às igrejas da Ásia, no livro do Apocalipse;

- Posto isto, o "anjo da igreja", metaforicamente, o pastor, é a pessoa que responde por seu rebanho.

- Como sabemos que não apenas este, mas diversos assuntos da Bíblia são polêmicos e admitem variadas correntes de pensamento, o dogma torna-se um aio diante de nossas fraquezas, ou seja, alguém (o pastor) tem que decidir, em algum momento, se esta ou aquela corrente de pensamento (desde que sejam bíblicas, evidentemente) é mais adequada para a comunidade local de crentes.

- O conceito de igreja local no Brasil precisa ser considerado, posto que o país tem dimensões continentais.

- São muito relevantes as citações bíblicas dos irmãos acerca do usos e costumes e gostaria de acrescentar a elas os textos de Rm 14.21 e 1 Co 8.13 (ARA):

Rm 14.21 - "É bom não comer carne, nem beber vinho, nem fazer qualquer outra coisa com que teu irmão venha a tropeçar ou se ofender ou se enfraquecer."

1 Co 8:13 "E, por isso, se a comida serve de escândalo a meu irmão, nunca mais comerei carne, para que não venha a escandalizá-lo."

- Um verdadeiro cristão estará disposto a "oferecer a outra face" diante de quaisquer circunstâncias, ou "andar a segunda milha". Creio que, com este pensamento, questões sobre o que vestir ou usar tornam-se mínimas.

- Quando nos tornamos membros da igreja, somos questionados acerca da nossa concordância com seus costumes (ainda que se diga "doutrina"), daí, se após concordarmos, agirmos de modo diferente, nos tornamos desobedientes, ou, no mínimo, incoerentes.

- Não estou defendendo em hipótese alguma o silêncio acerca da questão de usos e costumes, ao contrário, defendo que cada convenção resolva sobriamente acerca do assunto, considerando esses e outros pontos face a complexidade do assunto.

- Precisamos pensar onde iremos parar com as atuais mudanças de costumes. Lembremos quão prático foi o apóstolo Paulo ao dizer: "Ou não vos ensina a própria natureza ser desonroso para o homem usar cabelo comprido?" (1 Co 11.14).

- Que tamanho o cabelo é comprido?
Que tamanho é curto? A igreja espera uma resposta correta e firme a essas e outras questões, embora saibamos não ser tão simples respondê-las.

- Por fim, Deus deu a Moisés instruções datalhadas sobre a construção do tabernáculo. Deu a Ananias o endereço completo de onde Saulo estava e sua condição e não orientará nessa questão os homens de Deus de nosso país?

Que Deus nos abençoe!

sergio disse...

Uma doutrina sadia e pura e simples, traz mudança, no espirito, alma e corpo, do ser humano, que nasce de novo.logo as coisa velha passaram e tudo se faz novo.Agora os cristão mundano, acham argumentos apoiados em alguns trechos biblicos para apoiaram suas rebeldias contra os usos e costumes sadio da AD.A biblia adverte que amor de muitos iria se esfriar pelo aumento da iniquidade.

Pr Luiz Sérgio disse...

Prezados, infelizmente a AD no Brasil está em decadência, templos podem estar até cheios, porém, a influência mudana é tão grande, já não sabemos quem é crente. Vê nossos cantores gospel como são: verdadeiros artistas da música é cantando em Faustão (alguém vai aparecer e dizer, está pregando...) é está, é cantando com cantores do mundo fazendo duetos. Fora o comportamento tanto das vestes, vê os shows evangélicos, jovens sentadas nos ombros dos rapazes gritando, ralando, sexo (opâ!) é normal! o que é que têm de mais? Um abismo chama outro abismo...Jesus disse: Vós sois a luz do mundo. Estamos sendo luz? Para vergonha nossa as brigas/dispustas pelo poder no comando da convenções das ADs têm levado ao caos a AD. O que têm demais uma jovem andar com mini-saia mostrando sua silueta o importante é sua fé, não é o que querem. Que Deus nos ajude, eu acredito aonde o Espírito Santo habita ninguém fica o mesmo ou age como antes.
Luiz Sérgio

Anônimo disse...

Parabéns irmão pelo artigo porém o que me fez fazer escrever foi ao ler alguns comentários fiquei muito triste ao observar a falta de maturidade cristã de muitos irmãos de pensar que seremos salvos por nossos próprios méritos o que nos leva para céu é crer no unigênito filho de Deus e viver uma vida com santidade com auxilio do Espirito Santo e não temos nenhum mérito o mérito é todo do Messias. Deixo uma dica para alguns é melhor nós orarmos, jejuarmos e estudar mais a palavra de Deus para ver o que é pecado ou não. Muitas pessoas foram excluídas de denominações por causa de cortes de cabelo, uso de calças e acabaram se perdendo neste mundo de corrupção. Mas, naquele dia o grande Juiz e Senhor vai mostrar a verdade para muitos que a negligênciam. Para muitos que não conseguem entender a verdade peça o auxilio do Espírito Santo que Ele vai te ajudar um dia eu tinha uma visão errada mas Deus me tirou o jugo do homem dos meus ombros e verdadeiramente me tornei livre em Cristo (Mat 11:28-30).

Murilo Junior disse...

Que Jesus Cristo tenha misericórdia de todos nós, que muitas vezes deixamos de se cumpridores da palavra para se legisladores, meu querido irmão, concordo com muitos pontos do seu texto, mais quero fazer um humilde comentário já que não sou teólogo e nem pretendo ser. O senhor escreveu, que os costumes não santificam, e apesar da minha opinião contraria possa não importa para o senhor, mesmo assim peço licença para comentar o assunto no seu blog. Então vamos lá. Os costumes servem para identificar um grupo de pessoas as diferenciando de outros pelo costumes de grupos podemos ter opiniões delas ou interesses, comportamento etc...dessa forma podemos tirar uma pequena conclusão, que os cristãos ao adotarem costumes que os diferenciam das demais pessoas são separadas dos seus costumes muitas vezes imorais, sem afeto natural, indecentes, depravações sensuais e toda sorte de costumes pagãos, por isso como podemos afirmar que costume não santifica? è claro que isoladamente não salva, mais acompanhado do novo nascimento nos leva a um comprometimento evidencial com a Palavra de Deus.

Anônimo disse...

ANDRÉIA A doce e gloriosa Paz do Senhor irmão Gutierres!Deus o abençoe grandemente.Sempre lhe acrescente entendimento e revelaçao em seus artigos.Bem aventurado és!Ah se encontrassemos mais AMOR e SINCERIDADE tanto á OBRA DO SENHOR quanto aos NOSSOS IRMAOS em Cristo!!!E MENOS HIPOCRISIAS,MENOS LINGUAS AGUÇADAS SEMPRE EM FAVOR DE CUIDAR A VIDA ALHEIA!!!Menos dedos apontados em direçao ao nosso proximo!!Ah como seria maravilhoso!!!Iriamos GANHAR MUITO MAIS ALMAS PRA NOSSO JESUS CRISTO,MAS AO INVES DISTO,A IGREJA LUTA ENTRE SÍ MESMA!!!QUEM AVANÇA E TRAGA ALMAS,É O INIMIGO DE NOSSAS ALMAS!Ficam presos em COSTUMES E EM VIGIAR QUEM DELES NAO SE A PEGA!!Estamos como os fariseu:só na APARENCIA!Por DENTRO SEPULCROS CAIADOS!!! GRAÇA E PAZ! Andreia

Mirian disse...

Bom, não concordo com os legalista ou "conservadores" (que ao meu ver, são na verdade, farizaistas)embora sigo o padrão da Ass.de Deus a 45 anos...O que entendo é que costumes, tem sido um tropeço na no crescimento das Ass.de Deus, Porque somos condicionados a pensar e super-valorizar, como coadjuvante da salvação...Se quer seguir ao pé da letra,(usando texto sem contexto)... sigam tudo: os homens usem barba, ñ cortem o cabelo, usem vestidos(sem costura nos lados)...e etc e etc...Não façam pela metade...
Nesse longo período de evangélica, tenho observado os chamado conservadores tropeçarem feio. Porque supervalorizam costumes e esquecem o que de fato, devem praticar... Mirian Helena de Souza

evangelista Anderson LOPES disse...

ISSSO MESMO PASTOR HOJE ENFELISMENTE AS PESSOAS ESTA HOJE NÃO SABE DEIFENCIA COSTUMES DE DOUTRINAS QUE deus TE ABENÇOE

Anônimo disse...

é crentes...vcs tao vendo almas perecendo e estao preocupados se eu visto bermuda ou nao;será se eu orar a deus ele nao me ouvirá,só porque estou de bermudas?Gente Deus vamos parar de brincadeiras de crianças...se preocupem com as almas vamos se converter e ler mais a bíblia.

Cleicimar disse...

Gostaria de frisar para os assembleianos que Jesus veio para dar vida e vida em abundancia, ou seja vida eterna, ou seja sejamos pescadores de homens para Jesus, então gostaria de voces tradicionais, o que voces acham deas pessoas que foram salvas em outros paises com outros costumes evangelizadas por outras denominações, serão salvas em nome de Jesus ou não? será mesmo que só a igreja Assembléia de Deus do Brasil (algumas)serão salvas? será mesmo que Jesus veio ao mundo morreu por nossos pecados para que apenas parte do Brasil fosse salva? Jesus veio para os que estavam perdidos, não importa seus costumes, se lavam as mãos na hora de comer ou não, se são pretos ou brancos, Jesus não faz discriminação de pessoas, ele odeia o pecado: a blasfemia, a sensualidade, o orgulho, a mentira etc o que existe em todos os lugares, Jesus não seria covarde de ser machista e obrigar uma mulher usar este ou aquele traje, ele sim abomina o uso de roupas masculinizadas pelas mulheres e feminilizadas pelos homens pela homossexualidade ele odeia isso, mas não a roupa em si, Jesus veio ao mundo por amor, não para fazer confusão e fazer pessoas serem expulsas da igreja por corte de cabelos ou uso de brincos ou coisa parecida, ele veio para salvar, quem quizer se salvar vai ser por ELE e apenas isso, que vive por Jesus não comete mentiras sensualidades, prostituição, quem vive com Jesus é lavado e remido no sangue DELE porque DELE por ELE são todas as coisas, não porque um pastor está falando que uma roupa ao ver dele é pecado, pecado está ele que consegue tirar tempo para olhar as roupas das irmãs em vez de pregar Jesus visto que só ele é capaz de tirar o pecado lavar remir, enfim, Só Jesus através do Espirito Santo pode mudar uma vida, nada mais ninguem, pode ser igreja, pode ser o que for, a igreja é lugar de adoração ao Deus santíssimo, não de contendas e cuidar da vida do próximo, é isto que estamos vendo dentro das assembleias, sou da assembléia há vinte e quatro anos e é o que tenho visto até hoje infelismente, vamos pedir Jesus para mudar esta igreja.

Anônimo disse...

È muito triste uma pessoa dizer ter 24 anos de Assembleia de Deus e ignorar os bons costumes.
GENTE O APOSTOLO PAULO DIZ QUE O DEUS DESTE SÉCULO CEGOU,CEGOU O ENTENDIMENTO DOS INCREDULOS,ELE ESTAVA DIZENTE PARA A IGREJA. HOJE TEMOS TANTOS PASTORES CEGOS E A IGREJA SÓ SE ENCHENDO DE MUNDANISMO E PECADO E PARA MUITOS ISTO É NORMAL. MISERICRDIA....

Anônimo disse...

oi irmão Elson Divino!! lí seu comentário e concordo mesmo com o que o irmão escreveu,, mesmo eu me sentido sem força de ir para a igreja, devido inúmeros problemas de caráter's conjugais; e tambem confesso que estou com hábito de fumar cigarros de carteira; sei que ñ estou certo diante de cristo, mais minha Alma chora anelando pelos momentos de uma vida sadia na igreja., cheguei até dirigir congregação no estado do pará na Gestão do saudosa memória, Pastor Gutemberg Nova Alves ., não sei se o irmão ja ouviu falar desse pastor; e fora as outras coisas grande que o maravilhoso Jesus fez em minha instrumentalidade., sei que ñ estou certo, estou lutando com minha alma para me tornar um homem limpo e destemido como vc's, como um verdadeiro Cristão... peço que me ajude (m) estou necessitado de Jesus!! é verdade o que digo a todos os que leem esse comentário!! mais termino deixando meu haval a postágem do irmão Elson divino e demais .. a paz de cristo jesus, e orem por mim..!!

Siro da Silva disse...

IRMÃO Mirian vc falou sobre (o que difato devem praticar), por favor irmã Mirian ñ discordando de vc e demais,mais nos dê um conceito desse( difato devem praticar), á luz da verdade bíblica.!! na verdade eu lêio sensura disso daquilo,só que os sensuradores, ñ conceitua seus ideais ao concluirem suas críticas, e no entato, manteem-se sempre no ar os ideais de fato a serem feito... ,,, enão nos dê uma resposta..!! CC

Reginaldo Oliveira disse...

reginaldo oliveira

A sociologia responde:
"Para os propósitos expansionistas das Assembléias de Deus, esses costumes e hábitos, com status de doutrina bíblica, estão tonando cada vez mais disfuncionais. Causam tensões e disputas internas entre a velha e a nova gerações de pastores e de fiéis. Dificultam a atração das camadas sociais mais abastadas. provocam dissidências, perda de membros, sobretudo de jovens e de eventuais conversos da classe média. os depoimentos são claros" (Neopentecostais - Sociologia do novo pentecostalismo no Braisl,, edições loyola, 1999,p. 205)

"Sua acomodação ao 'mundo tem sido lenta, prejudicando seu crescimento nos últimos anos" (idem) ou seja até 1999, data da publicação do livro)

"a Assembléia de Deus de fato se dava conta de que perdia os crentes tão logo eles chegavam a um certo conforto econômico. E isto, seguindo Freston, por duas razões. Primeiramente, os tabus sectários implicando uma certa homogeneidade social. Em seguida, o clericalismo nascente vê com maus olhos alguns laicos distinguirem-se em razão de uma respeitabilidade social que os pastores ainda não adquiriram, ou mesmo uma respeitabilidade política..."Os pobres e o Espírito Santo- O pentecostalismo no Brasil, Editora Vozes, 1996p. 142)

Ao abrir mão dos usos e costumes retrógrados a Assembléia de Deus voltou a ser a igreja que mais cresce, enquanto que Igrejas pentecostais com rígidos usos e costumes entraram estagnaram: Congregação Cristã teve um decréscimo de membros e a Deus é Amor cresceu em apenas 70553 membros!!!

Reginaldo Oliveira disse...

A sociologia responde:
"Para os propósitos expansionistas das Assembléias de Deus, esses costumes e hábitos, com status de doutrina bíblica, estão tonando cada vez mais disfuncionais. Causam tensões e disputas internas entre a velha e a nova gerações de pastores e de fiéis. Dificultam a atração das camadas sociais mais abastadas. provocam dissidências, perda de membros, sobretudo de jovens e de eventuais conversos da classe média. os depoimentos são claros" (Neopentecostais - Sociologia do novo pentecostalismo no Braisl,, edições loyola, 1999,p. 205)

"Sua acomodação ao 'mundo tem sido lenta, prejudicando seu crescimento nos últimos anos" (idem) ou seja até 1999, data da publicação do livro)

"a Assembléia de Deus de fato se dava conta de que perdia os crentes tão logo eles chegavam a um certo conforto econômico. E isto, seguindo Freston, por duas razões. Primeiramente, os tabus sectários implicando uma certa homogeneidade social. Em seguida, o clericalismo nascente vê com maus olhos alguns laicos distinguirem-se em razão de uma respeitabilidade social que os pastores ainda não adquiriram, ou mesmo uma respeitabilidade política..."Os pobres e o Espírito Santo- O pentecostalismo no Brasil, Editora Vozes, 1996p. 142)
Reginaldo Oliveira
Ao abrir mão dos usos e costumes retrógrados a Assembléia de Deus voltou a ser a igreja que mais cresce, enquanto que Igrejas pentecostais com rígidos usos e costumes entraram estagnaram: Congregação Cristã teve um decréscimo de membros e a Deus é Amor cresceu em apenas 70553 membros!!!

JONAS DE SOUZA disse...

"A CONVERSÃO, TIRA O CRISTÃO DO MUNDO; A SANTIFICAÇÃO, TIRA O MUNDO DO CRISTÃO"

Eu me envergonho de vocês estarem discutindo aquilo que é explícito na Palavra, quando o homem perde o temor de Deus na sua vida, para ele tudo se torna "USO E COSTUME", pecado se torna USO e continuar pecando se torna COSTUME.

Me envergonha ainda mais quando pregadores mais novos, atualizadíssimos, renovados, tornam isso com USO e COSTUME da antiguidade e querem decidir no voto o que é certo e o que errado para a Igreja, tenham paciencia senhores, são os mesmos que um dia espalharam palmas para Jesus entrar em Jerusalém e dias depois estavam pedindo: Crucifica-o e solta Barrabás.
Jesus tinha um mal costume de chamar de pecado para pecado, de erro para erro e maldade para o mal.

Anônimo disse...

É triste ver pastores legalistas (fariseus hipócritas) que não sabem difereciar doutrina de costume. O pior é que interpretam a Bíblia a bel-prazer.
"2 Pedro: 3. 15. e tende por salvação a longanimidade de nosso Senhor; como também o nosso amado irmão Paulo vos escreveu, segundo a sabedoria que lhe foi dada; 16. como faz também em todas as suas epístolas, nelas falando acerca destas coisas, nas quais há pontos difíceis de entender, que os indoutos e inconstantes torcem, como o fazem também com as outras Escrituras, para sua própria perdição. 17. Vós, portanto, amados, sabendo isto de antemão, guardai-vos de que pelo engano dos homens perversos sejais juntamente arrebatados, e descaiais da vossa firmeza; 18. antes crescei na graça e no conhecimento de nosso Senhor e Salvador Jesus Cristo. A ele seja dada a glória, assim agora, como até o dia da eternidade."

"2 Pedro: 1. 20. sabendo primeiramente isto: que nenhuma profecia da Escritura é de particular interpretação. 21. Porque a profecia nunca foi produzida por vontade dos homens, mas os homens da parte de Deus falaram movidos pelo Espírito Santo."
Cleiser Araujo

TEÓLOGO CORNELIO A.DIAS disse...

Fiz um comentário certa vez e o caro irmão não aprovou. Creio que também não vai aprovar este, isto vai depender muito da sua maturidade cristã e pessoal. Não vou dar a minha opinião sobre este seu artigo sobre usos e costumes porque já foi dito pelo irmão Pastor João Ribeiro. Multidões são batizadas, mas, não nascem de novo; estes são os cristãos de vida dupla, ou seja, serve a Deus com os lábios, mas, não confessam com o coração. Este seu ponto de vista doutrinário é típico da doutrina dos Nicolaitas, porque quer servir a Deus não quer abandonar as práticas pecaminosas; e a Assembléia de Deus está naufragando nesta crise espiritual. Por conta destes tipos de ensinos. E como disse o pastor que mencionei acima, quando a pessoa se torna uma nova criatura os hábitos e costumes dela mudam, caso contrário, ela apenas foi batizada, mas, não houve a conversão da vida do pecado para a nova vida de santidade, porque sem ela ninguém verá a Deus. Portanto não é somente crer e ser batizado, porque o diabo também crê, mas, não obedece! Se você gosta da teologia, parabéns, eu também sou teólogo, sou formado pela metodista tenho oito anos de curso no meu currículo acadêmico, e te digo, não existe teologia pentecostal, há pouco tempo através que inventaram esta novidade. Um teólogo genuíno não crê nas profecias bíblicas, especialmente as do Livro do Apocalipse e de Daniel. Estude teologia numa das melhores Academias, como a Metodista; Mackenzie ou a Batista que você vai saber o que estou afirmando, você se dará mito bem, já está bem encaminhado. Eu sou Assembléiano, nascido de novo há 32 anos, conheci, vivi e pratiquei os hábitos e costumes que defende ferrenhamente, que eu chamo de práticas mundanas, e se eu fosse crédito a esta sua teologia teria que me tornar um crente como antes de aceitar a Cristo como purificador da minha antiga vida profana e pecaminosa. Para encerrar, Analise os slogans e a simbologia usada na propaganda da ultima convenção das Assembléias de Deus, onde o ilustre Pastor Wellington foi reeleito presidente, elabore uma síntese e poste aqui na sua página o que você entendeu. Lá está explicita a espiritualidade dos mais importantes pastores assembléianos. Esta sua teoria doutrinária liberal perto da teologia pastoral deles, não diz nada! Siga os conselhos dos homens que ainda não se deixaram se corromper, antes que se torne mais um deles. Por Cornelio Dias. E que Deus te abençoe se publicar este comentário, e tem abençoe muito mais se reprovar, porque estarei orando por você, para Deus não deixar você cair no laço dos passarinheiros. Que Deus te abençoe em Jesus Cristo, pelo poder do Espírito Santo.

Uthana Fernandes disse...

Eu acho q os usos e costumes tem q falar do q vc é.qdo vc ve alguem de farda, ve q é um soldado. Qdo vc ve alguem de terno, ve q é um advogado, um doutorm ou uma pessoa q vai a um lugar solene. Qdo vc ve uma mulher de hábito, diz é um freira.....Qdoa ver alguem de branco, imagina, é um médico, ou um dentista...O q vc veste tem uma mensagem q vc passa prar as pessoas.Por isso é importante manter os nossos costumes, pq ñ dá pra acreditar q uma moça é pura, se se vestir como uma prostituta se veste. Os homens vão olhar pra ele, e Pensar: ela quer chamar atenção, quer ser desejada pelos homens, quer praticar sexo com algum homem....Então. é uma questão cristã, sim. ñ dá pra separar usos e costumes da Igreja.Deus ve o interior, mas o homem ve o exterior, e atraves do exterior vc vai dizer pra sociedade quem vc é, e o q vc pensa, é uma mensagem visual, q é captada no momento em q alguem te ve, Se vc é de respeito, vista-se como alguem de respeito, e imediatamente, as pessoas vão entender a sua mensagem.