Pesquisar este blog

Carregando...

terça-feira, 25 de maio de 2010

Qual Assembleia de Deus os assembleianos desejam?

Nesse centenário que se aproxima precisamos responder uma pergunta: Qual Assembleia de Deus desejamos?

1. Uma politiqueira eclesiástica ou militante da evangelização?
2. Uma legalista com tradições humanas ou que abraça a herança sem irrealismos?
3. Uma baseada em visionários megalomaníacos ou em santos que valorizam a Palavra de Deus?
4. Uma calcada na busca de poder do (sobre) homem ou a busca do poder de Deus?
5. Uma alicerçada na arreia ou na rocha eterna?
6. Uma pregação superficial e sem Bíblia ou uma exposição das Sagradas Escrituras que aquece os corações e mentes?
7. Uma fechada no seu umbigo ou que dialoga com as denominações protestantes sérias?
8. Uma afogada no anti-intelectualismo ou que abraça a boa teologia à serviço do Reino de Deus?
9. Uma ávida por apoiar políticos ou aquela que ensina princípios de cidadania?
10. Uma com homens arrogantes que expõe o seu show ou uma com pessoas equilibradas partilhando os seus dons?

11. Uma com sementes da ganância ou com as sementes do Evangelho que produz em boa terra?

3 comentários:

Matias disse...

dentro da Assembleia de Deus existente, voce vai encontrar ambos os lados. Infelizmente todas as denominações convivem com o seu "lado escuro da força". Devemos orar para que o bem prevaleça e que, apesar de uma liderança fraca, que falha em corrigir os curso da denominação, há muitos que seriamente buscam o caminho bíblico e mantém a chama acesa.
Abraço,
Matias

Philadelfia - Evangelismo e Louvor disse...

Concordo com o Matias - dentro de nossa denominação, encontraremos simpatizantes partidários de ambos os lados; Nesse sentido, temos os que sabem o que significa cada situação e, outros, não tem maturidade, discernimento sobre doutrinas, costumes, modismos, heresias, clichês...

Se perguntar qual a Assembléia que os assembleianos desejam, imagino que eles desejem uma denominação que acolha todas as inovações, possíveis, afinal, "quem é quem pra julgar o que seja lícito e o que convém"?

Anônimo disse...

a verdadeira luta do Cristão, e inclua se os assembleianos, não pode ser do bem, contra o mal, mas, da verdade contra o engano.

oro e luto para que nossa denominação esteja mais interessada no reino dos céus, do que construir tronos para lideres, e famosos.

" mas buscai primeiro o Reino de Deus, .."