Pesquisar este blog

Carregando...

terça-feira, 24 de agosto de 2010

Carta ao povo de Deus?

Leia abaixo. Comento no final

Por Vera Rosa, no Estadão:

Vedete da campanha do então candidato Luiz Inácio Lula da Silva, em 2002, a Carta ao Povo Brasileiro, feita sob medida para acalmar o mercado, ficou para trás. De olho no voto de católicos e evangélicos, a candidata do PT à Presidência, Dilma Rousseff, escreveu agora um manifesto intitulado Carta ao Povo de Deus, no qual defende a família e promete não espichar a polêmica sobre aborto e união civil entre homossexuais.

“Cabe ao Congresso Nacional a função básica de encontrar o ponto de equilíbrio nas posições que envolvam valores éticos e fundamentais, muitas vezes contraditórios, como aborto, formação familiar, uniões estáveis e outros temas relevantes, tanto para as minorias como para toda sociedade brasileira”, diz a carta assinada por Dilma.

No último parágrafo do manifesto, que será distribuído em seu comitê, a petista pede “oração” e “voto” para ter a “oportunidade” de continuar o projeto de Lula. Em tom pontuado por expressões de fé e esperança, Dilma diz que programas como o Bolsa-Família e o Minha Casa Minha Vida resgatam valores da cidadania e a “semente do Evangelho”.

Disposta a cativar todas as denominações cristãs, ela observa que a miséria e as distorções sociais têm “o dedo imperfeito do homem, e não o desígnio de um Deus perfeito”.

Na quinta, Dilma conversou com o presidente da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil, d. Geraldo Lyrio Rocha, em Brasília. Estava acompanhada por Gilberto Carvalho, chefe de gabinete de Lula e ex-seminarista.

A visita de Dilma à sede da CNBB ocorreu no rastro da polêmica envolvendo o bispo de Guarulhos (SP), d. Luiz Gonzaga Bergonzini. Em artigo intitulado Dai a César o que é de César e a Deus o que é de Deus - postado no mês passado no site da CNBB -, o religioso defendeu o boicote à candidatura de Dilma por considerar que a petista defende o aborto, embora ela não tenha pregado sua legalização.

Coordenado pelo pastor e deputado Manoel Ferreira (PR-RJ), o comitê evangélico pró-Dilma também produziu uma cartilha contendo “13 motivos” para o cristão votar nela. Na lista consta que a candidata “faz parte de uma geração que lutou pelo ideal da liberdade democrática, tanto quanto pela liberdade cultural e religiosa”. Na tentativa de combater a fama de durona que maltrata os subordinados, o texto diz ainda que “Dilma é humilde e conhece o sofrimento, a dor e a necessidade do ser humano”.


Comento:

Hahahaha. Só pode ser uma piada que o Manoel Ferreira e outros evangélicos acreditam. A Dilma por várias vezes já manifestou seu apoio a descriminalização do aborto, mas agora se porta como defensora dos valores familiares. Ora, como as eleições convertem as pessoas! Não é verdade?

Se alguém que defender a candidatura da Dilma, que defenda, mas sem inventar mentiras, como se ela fosse uma cristã praticante defensora de valores conservadores. O Manoel Ferreira está recorrendo a mentira!

17 comentários:

Anônimo disse...

Olá.
Gostaria das fontes que noticiaram que Dilma defendeu a legalização do aborto.
Se houver também alguma manifestação dela sobre apoio ao casamento homossexual gostaria de ver as fontes também. Acho importante termos as fontes para apresentarmos em um eventual debate sobre a candidatura dela, não posso simplesmente dizer que li em um blog na internet.
Obrigado.
Tiago Farias/RS

Gutierres Siqueira disse...

Caro Tiago,

Na edição de março de 2009, em entrevista para a Revista Cláudia. Dilma afirmou:

"Abortar não é fácil para mulher alguma. Duvido que alguém se sinta confortável em fazer um aborto. Agora, isso não pode ser justificativa para que não haja a legalização"

"Fui batizada na Igreja Católica, mas não pratico. Mas, olha, balançou o avião, a gente faz uma rezinha"

Esse é só um exemplo...

Cristiano Silva disse...

Ela disse:

"Cabe ao Congresso Nacional a função básica de encontrar o ponto de equilíbrio nas posições que envolvam valores éticos e fundamentais..."

A pergunta que faço é: e quando o ponto de equilíbrio encontrado pelo Congresso difere dos valores éticos, morais e fundamentais que, para um cristão estão expostos na Palavra de Deus, que é para ele sua "regra de fé e prática", em questões como aborto, sexualidade, divórcio, atuação do Estado, etc?

God bless.

jurandir alves disse...

Ola Gutierres!
O fato da candidata estar sendo apoiada por um "pastor", nao significa que ela seja crista. Lamentavel a figura do Manoel Ferreira, apoiando esta senhora que ate guerrilheira ja foi. Deixou de ser embaixador do Reino para tornar-se aliado de Maamon, garanto que o intere$$e dele nao e o bem e$tar $ocial do povo, se fo$$e, teria mais cuidado com a alma que pode perecer eternamente

Laguardia disse...

Respondendo aos 13 Motivos para Votar em Dilma, mostrando como são falsos e mentirosos. Uma vergonha, um pastor que se diz evangélico, ajudar na eleição de um anti-Cristo.

1) Vejo nela hoje uma mulher madura, mãe, responsável e profundamente comprometida com a nossa nação.

(Dilma realmente é uma mulher madura, tem 63 anos, e isto não a desabona. O problema é que suas idéias não evoluiram, continuam nos anos 60. Se fosse responsável não teria mentido com relação a sua formação acadêmica, com relação ao dossiê que aprontou sobre gastos com cartões corplrativos de FHC e D. Rute Cardoso, ou do encontro que teve com Lina Vieira da Receita Federal para pedir o engavetamento de investigação sobre a Família Sarney - Se fosse compromnetida com a nação não teria lutado pela implantação no Brasil de uma ditadura comunista no estilo cubano e da Coréia do Norte, ceifando fidas inocentes e mutilando inocentes)

Laguardia disse...

(continuação)
3. Dilma faz parte de uma geração que lutou pelo ideal da liberdade democrática, lutando contra a ditadura militar em nosso país.

(Uma vergonha uma pessoa que se diz pastor evangélico publicar uma mentira destas. O diabo é o pai da mentira. Na verdade, todos sabemos, e principalmente nós que vivemos aquela época, e eu que fui contemporâneo de Dilma na Faculdade de Ciências Econômicas da UFMG em Belo Horioznte, que Dilma lutou não pela democracia, mas sim pela implantação da Ditadura do Proletariado nos moldes cubanos).

4. Ela tem feito opção clara por governar focada no crescimento e desenvolvimento do país, olhando pelos pobres e menos favorecidos, a mesma do Evangelho do Senhor Jesus Cristo (Lucas 9:13).

(Além de mentir o pastor blasfema. Dilma está focada nela mesma. Quando doente se trata, as custas do povo, nos mais caros e melhores hospitais do país. Os pobres e menos favorecidos morrem sem assistência nas filas do SUS).

Laguardia disse...

(continuação)

5. Dilma se comprometeu a delegar ao Congresso Nacional o debate sobre o PNDH-3, aliás, o lugar apropriado e palco de divergências. Através desta discussão a sociedade encontrará sua posição, por meio de seus representantes legítimos e eleitos para este proósito.

(Este pastor tem certeza de que somos idiotas. A não ser que Dilma rasgue de vez a Constituição, este é o único caminho para se discutir e votar o PNDH-3. No entanto ela não se comprometeu a influenciar sua base partidária a votar contra os pontos que nós evangélicos discordamos. Se votarmos nos deputados que apoiam Dilma, certamente o PNDH-3 será aprovado na íntegra. Além do mais sabemos da força que o presidente tem junto ao congresso, principalmente fazendo uso do suborno e da corrupçào, para aprovar matérias de seu interesse. Pastor, pare de insultr nossa inteligência)

Laguardia disse...

(continuação)

6. Ela se comprometeu em fazer da família o foco principal de seu governo. Em seu discurso na Igreja Assembléia de Deus em Brasília, no dia 24 de julho, Dilma disse as seguintes palavras: "Na Bíblia, em várias passagens Jesus mostrou preocupação com a vida. E é essa preocupação com a vida que eu quero afirmar aqui. Eu sou a favor da vida, em todas as dimensões, em todos os sentidos. Sou a favor da preservação da vida. Sou a favor, também, da melhoria de vida para as pessoas". Dilma compreende que a desestruturação social é resultado da desestruturação familiar e por isto vai focar a familia como vetor de suas políticas públicas. Isto coincide com nossa posição cristã que acredita que "Um país é tão forte e sólido quanto suas famílias"

(De novo mentiras - Se Dilma fosse a favor da vida não teria assinado o PNDH-3 que preconiza a descriminalização do aborto. Não teria dado dezenas de entrevistas defendendo o aborto. Se Dilma fosse a favor da estruturação da família não estaria defendendo a união homossexual e a adoção de crianças por "casais" homossexuais. Se Dilma fosse a favor da vida não teria participado da morte do soldado Mário Kozel Filho, ou o atentado ao Aeroporto de Guararapes no Recife com duas mortes e tantas outras. Se Dilma tivesse lido a Bíblia, e crido na mensagem bíblica, sua posição política certamente seria diferente. Dilma é uma mulher que já passou por três casamentos e infidelidades conjugais. Como pode se falar em família estruturada?)

Laguardia disse...

(continuação)
7. O governo Lula alterou o código civil, modificando a natureza jurídica das igrejas, de Associação para Organização Religiosa. Através da Lei 11.481/2007, regularizou a ocupação das áres públicas destinadas à construção de templos e organizações filantrópicas. Demonstrou compreender o papel das igrejas, das ONG'ss e Associações Sociais como parceiros do Estado para o resgate social, especialmente dos mais carentes, Aliás, apenas Dilma se posicionou claramente sobre a missão da igreja, tanto no aspecto social, quanto ético e moral.

(Me desculpe pastor, mas mais me parece uma piada o que o senhor escreveu aqui. Para o PNDH-3 é o Congresso quem tem a responsabilidade. Para a Lei 11.481/07 votada pelo Congresso é o Lula o responsável. Gostaria de ver o posicionamento de Dilma e de Lula bem como do pastor que escreveu esta bobagem, relativa ao invaticidio cometido nas comunidades indígenas e defendida pela FUNAI. Da limitação imposta pelo governo para a missões em áreas indígenas, só para citar um ponto).

Laguardia disse...

(continuação)

8. Como nós evangélicos, ela acredita que tudo que se constroi neste mundo é resultado de determinação e fé. Essas são suas palavras: "Aprendemos que tornamos o impossível em possível apenas quando nossa indignação se torna em ação. O impossível é aquilo que a fé humana não tornou ainda possível".

(Pelos frutos os conhecereis - quais os frutos de Dilma? São resultado de sua defesa das forças que conduzem a morte e não a vida. O aborto, o terrorismo, a defesa da prática do homossexualismo, estes são os frutos da vida de Dilma Rousseff)

9. Como Lula, tem sua liderança legitimada pelo apoio de todos os segmentos sociais, tanto dos trabalhadores como dos segmentos industrializados e do mercado financeiro.

(Para não citar o caso em que os lídres religiosos que crussificaram Jesus tinham de todos sua liderança legitimada por todos os seguimentos da sociedade da época, relembro que Adolf Hitler também tinha o apoio de todos os segmentos sociais da Alemanha nazista).

10. Como lider Dilma cresce a cada dia. É visível sua força interior e a inspiração que, como pessoa, Dilma tem demonstrado em sua trajetória pessoal e profissional. Os obstáculos e os golpes na vida nunca a fizeram esmorecer, apenas criaram mais motivação e esperança para lutar.

(A mesma coisa pode se dizer de Satanás. A trajetória profissional de Dilma está marcada pela mentira sobre sua formação profissional. Mentiu ao escrever em seu curriculum que tinha mestrado e doutorado em economia. Foi desmentida pela Unicamp. Dilma lutou sim pela implantação da ditadura do proletariado e pelo socialismo cubano no Brasil).

Laguardia disse...

(continuação)
11. Dilma é firma, sabe comandar e fará a máquina pública andar! Quem tem responsabilidade na gestão de pessoas, tanto na área pública como na privada, sabe como é difícil fazer "o processo andar" e se tornar produtivo.

(Pastor, com mais de trinta anos de trabalho na área de Recursos Humanos e de Gestão de Pessoas discordo completamente de sua afirmativva. É tão falsa como uma nota de três reais. O processo anda quando tratamos as pessoas com humildade, com educação, com respeito e com dignidade e não com prepotência e arrogância como Dilma o faz)

12. É humilde e conhece o sofrimento, a dor e a necessidade do ser humano.

(Pastor o senhor não conhece Dilma Rousseff. Ela é arrogante, prepotente, sem educação trata as pessoas com grosseria. Conhce o sofrimento e a dor do ser humano por ter causado dor e sofrimento a seres humanos inocentes através de suas ações terroristas, ceifou vidas e mutilou pessoas inocentes. Nunca precisou enfrentar uam fila do SUS. Sempre estudou em colégios de elite, não sabe o que é pobreza).

Laguardia disse...

(continuação)

3. Acredito em seu compromisso com a democracia, e com o estado democrático de direito. O povo soube como escolher um Metalúrgico e aclamá-lo como presidente da república, passando por cima de preconceitos e sofismas criados pela elite brasileira. E a história nos mostra que o povo acertou! Ao olhar para trás vemos um Brasil que está dando certo! Deixe o Brasil continuar neste caminho! Vamos votar e apoiar Dilma Rousseff como a primeira mulher na presidência da república! Vamos seguir em frente e ter a coragem de mais uma vez quebrar os preconceitos e avançar na direção que estamos seguindo com a ajuda e a benção de Deus!

(O compromisso de Dilma não é e nunca foi com a democracia. É e sempre foi com o socialismo, com a ditadura do proletariado, apoiando governos ditatoriais e genocidas, como Cuba, Sudão, Irã, Coréia do Norte etc. Lula foi metalurgico por um período muito curto da vida dele. Na maior parte de sua existência foi Presidente do PT e do Instituto Cidadania do PT. Se Lula foi Metalurgico eu fui Office Boy, pois trabalhei nesta função alguns anos durante a minha juventude. Votar em Dilma é deixar o Brasil caminhar no caminho da corrupção, da falta de ética, da imoralidade, da impunidade dos criminosos de colarinho branco, no caminho dos que apoiam o aborto, o homossexualismo, a prostituição, o coronelismo.

Pastor, não cometa a blasfêmia de pedir a Deus que abençôe o pecado e os que trilham os caminhos da perdição eterna.

Lembre-se que um dia o senhor, pastor, também terá de prestar contas de seus atos perante Deus.

Que Deus tenha misericórdia do Senhor e de todos que apoiam Dilma Rousseff.

Rogo a Deus que toque o coração de pedra desta mulher e que um dia ela venha a aceitar a Jesus Cristo como o Senhor e Salvador de sua vida e passar pela transformação da conversão).

Como se pode ver, os 13 pontos para se votar em Dilma se tornam a uma simples e rápida analise em 13 pontos para NÃO se votar em Dilama

Laguardia disse...

(continuação)

13. Acredito em seu compromisso com a democracia, e com o estado democrático de direito. O povo soube como escolher um Metalúrgico e aclamá-lo como presidente da república, passando por cima de preconceitos e sofismas criados pela elite brasileira. E a história nos mostra que o povo acertou! Ao olhar para trás vemos um Brasil que está dando certo! Deixe o Brasil continuar neste caminho! Vamos votar e apoiar Dilma Rousseff como a primeira mulher na presidência da república! Vamos seguir em frente e ter a coragem de mais uma vez quebrar os preconceitos e avançar na direção que estamos seguindo com a ajuda e a benção de Deus!

(O compromisso de Dilma não é e nunca foi com a democracia. É e sempre foi com o socialismo, com a ditadura do proletariado, apoiando governos ditatoriais e genocidas, como Cuba, Sudão, Irã, Coréia do Norte etc. Lula foi metalurgico por um período muito curto da vida dele. Na maior parte de sua existência foi Presidente do PT e do Instituto Cidadania do PT. Se Lula foi Metalurgico eu fui Office Boy, pois trabalhei nesta função alguns anos durante a minha juventude. Votar em Dilma é deixar o Brasil caminhar no caminho da corrupção, da falta de ética, da imoralidade, da impunidade dos criminosos de colarinho branco, no caminho dos que apoiam o aborto, o homossexualismo, a prostituição, o coronelismo.

Laguardia disse...

(continuação)
Pastor, não cometa a blasfêmia de pedir a Deus que abençôe o pecado e os que trilham os caminhos da perdição eterna.

Lembre-se que um dia o senhor, pastor, também terá de prestar contas de seus atos perante Deus.

Que Deus tenha misericórdia do Senhor e de todos que apoiam Dilma Rousseff.

Rogo a Deus que toque o coração de pedra desta mulher e que um dia ela venha a aceitar a Jesus Cristo como o Senhor e Salvador de sua vida e passar pela transformação da conversão).

Como se pode ver, os 13 pontos para se votar em Dilma se tornam a uma simples e rápida analise em 13 pontos para NÃO se votar em Dilam

Pb. Wanderley Santana disse...

Enquanto eu lia esta postagem me lembrei de um outro "servo de deus" (o "d" é minúsculo mesmo...), o Dr. Paulo Maluf. "...A paz de Cristo irmãos..." rs rs rs!!!, esse pessoal insulta nossa inteligência. Pra finalizar irmão Gutierres, só te peço um favor: Não me pergunte a razão de eu ter saido da AD-Madureira... Sei que há muitos pastores exemplares lá, conheço vários pessoalmente, mas "de vez em sempre" agente via lá cada mancada no auto escalão da denominação...e pelo visto isso continua ocorrendo.

Aprendiz disse...

Gutierres

Sou pentecostal também, e sinto que devo puxar esse assunto. Os pentecostais e neo-pentecostais tem um longo histórico de ações políticas interesseiras e pouco éticas. Em parte, julgo que isso acontece por que eles enxergam as palavras de seus líderes como "verdades absolutas". Não importam as evidências, se o pastor diz que devem votar em tal candidato, os membros votam. Se o pastor comete "fornicação" de princípios para obter vantagens para a denominação, os membros aceitam. A subservência cega de muitos pentecostais e neo-pentecostais chega a tal ponto que é idolatria.

Anônimo disse...

Caros amigos, não venho aqui criticar um partido ou outro. Mas acho de estrema importância que estas pessoas que se manifestaram contra os anos de militância da candidata a presidência, Senhora Dilma, estudem um pouco mais a disciplina de história, pois, os atos da mesma nada mais foram do que conseqüência do momento histórico em que ela vivia (para quem não compareceu as aulas de história, a Ditadura Militar).
Quanto aos assuntos ABORTO e CASAMENTO GAY, vamos por parte: 1° o aborto, na minha opinião, é uma decisão única e exclusiva da mulher. Pois é ela quem vai criar este filho e não o padre ou o pastor desta ou daquela igreja ( a não ser que o filho seja dele).
2° o casamento gay é algo que me despertar uma grande simpatia, pelo simples motivo de ser gay, apesar de achar que o ato Casar-se (seja ele hetero ou homo) é apenas algo simbólico e sem importância. Mas atribuo como uma grande conquista para a comunidade GLBT, e a inclusão dos mesmos como seres atuantes na sociedade com direitos e deveres comuns a todos.
Por tanto concluo que, toda e qualquer instituição religiosa tem que se manter dentro de seus muros, pois seus ideais nada mais são, ou representam, o atraso de nossa contemporaneidade.
Obrigado.