Pesquisar este blog

Carregando...

quinta-feira, 3 de fevereiro de 2011

Dicionário da Teologia Antibíblica (2)

Toda a Escritura é divinamente inspirada, e proveitosa para ensinar, para redarguir, para corrigir, para instruir em justiça (II Tm 3.16)

Abaixo alguns conceitos sobre a bíblia, não a Palavra de Deus, mas sim as deturpações do evangelicalismo popular.

1- A bíblia pentecostal do reteté

O pregador fala que a bíblia é importante, mas ele mesmo não estuda nenhuma de suas páginas para o sermão noturno. Ele está cheio de revelamentos, visagens, profetadas e jamais respeitará o texto bíblico com uma pregação expositiva. Aliás, a bíblia no reteté serve como adereço da “roupa de crente”, sendo o paletó claro no escuro com a bíblia petra sem rascunhos. Você tem uma revelação aí?

2- A bíblia do teólogo moderno

É um conjunto de mitos. É um livro humano sem elementos divinos. Os modernos fazendo alguns cálculos chegaram no fantástico número que Jesus disse somente 25% ou 30% ou 35% daquelas palavras que estão registradas nos Evangelhos. Precisão igual somente vi naqueles dados que apontam os participantes da Marcha para Jesus. Com essa bíblia é melhor ler aquele historiador fantástico... ããã, como é mesmo o nome dele? Ah, o Dan Brown. Você já leu Rousseau hoje para pregar sobre a antropologia bíblica?

3- A bíblia neopentecostal

Uma espécie de tabuleiro. Você abre em qualquer página e depois lê o primeiro versículo que você enxerga e segue o “conselho do dia”. Simples e fácil. Nada de perder tempo mediando, pois basta pinçar alguns textos motivadores e que glorificam o seu “eu”. Só muito cuidado para não seguir o “conselho” de Mateus 27.5.

A Bíblia neopentecostal é também uma espécie de Augusto Cury da antiguidade, ou seja, uma autoajuda água com açúcar disfarçada de psicologia. Você ouviu a emocionante mensagem da Ana Maria Braga de hoje? Buá, buá! Eu sou o cara, repita comigo!

4- A bíblia ultraconservadora

O Alcorão cristão. Foi ditado diretamente do céu. Seus autores estavam psicografando assim com o Chico Xavier escrevia suas obviedades. Nada de estudar contexto histórico, gramática, estilo literário... Deus revelou a bíblia como Alá revelou o Corão. É um livro divino sem elementos humanos. Você não acredita nisso? Sua alma arderá nos mármores do inferno!

5- A bíblia do espiritual oco

O espiritual oco, aquele que não vai no cinema mas bate na mulher, tem sua própria bíblia. O fariseu do século XXI não liga para regras hermenêuticas. Cada versículo têm um significado espiritual que só ele mesmo sabe. É mistééééério! É a cabala gospel. Ele diz que o próprio Deus revela os significados dos textos. Ele tem até o “dom de revelar o Apocalipse”. Engraçado que o dom dele coincide com o filme Deixados Para Trás. Mera coincidência. Ele gosta também de numerologia dita bíblica e usa e abusa das tipologias. Você já entendeu o mistério?

_____________

Essas bíblias em nada parecem com a verdadeira Palavra de Deus, conhecida como Bíblia Sagrada. A Bíblia é um livro humano, mas inspirado (respirado, no original) por Deus. Como qualquer texto a interpretação depende de contexto histórico, gramática, línguas originais, usos e costumes da época e, como livro divino, o auxílio do Espírito Santo para direcionar as suas verdades eternas para a aplicação diária.

7 comentários:

Aprendiz disse...

"Seus autores estavam psicografando assim com o Chico Xavier escrevia suas obviedades. Nada de estudar contexto histórico, gramática, estilo literário..."

Se "ultraconservador" é quem pensa assim, então talvez a existência de "ultraconservadores" seja um mito. Jamais encontrei alguém que dissesse ou escrevesse isso. Imagino que em algum rincão do Brasil possa existir algum semi-analfabeto que, por nunca ter pensado no assunto, imagine que a Bíblia foi ditada. É o tipo de ideía que poderia ocorrer a uma pessoa ignorante, principalmente se ela nunca leu a Bíblia.

Gutierres Siqueira disse...

Aprediz,

Já ouvi de tudo e um pouco mais...

Eber Pedro disse...

6- A bíblia da Prosperidade .

Faltou a BÍBLIA DE ESTUDO BATALHA ESPIRITUAL E VITÓRIA FINANCEIRA , que seus comentários sobre como deixar como as pessoas deve extorquir a Deus e deixar pastores ricos e milionários .

Fábio José Lima disse...

Graça e Paz Gutierres,

Parabéns pelo post, sei que o irmão já viu de tudo e um pouco mais como disse no comentário, eu também, e acrescento, no meu caso, que não foi em rincões de nosso país, o pouco tempo que estou aqui em São Paulo, Capital, já vi e ouvi cada uma...
Pensar que só nos rincões é que acontecem coisas assim... Sei não...

Alejandro Mercado disse...

A Bíblia é um livro divino, visto ser uma revelação direta, viva e pessoal de Deus, acessível a qualquer pessoa. É humano no sentido de ter sido registrado (escrito) por pessoas reais, escolhidas para fazer isso, com a assistência e guia do Espírito Santo. Essas pessoas usaram linguagem humana; línguas conhecidas e faladas em toda a região onde foram escritas todas as partes que compõem o Livro Sagrado. Aproximar-se da Bíblia sem a reverência devida sabendo que é lugar santo, nos conduzirá aos mesmos lugares onde chegaram todos aqueles que se serviram dela para propagar suas heresías. Fazemos bem em lembrar que a "Bíblia é a mãe de todas as heresías". Em que sentido? No sentido de ser usado como um livro qualquer, do qual se pode extrair o que se quer e quando se quer. O objetivo da Bíblia é trazer a nós a Revelação de Deus; aquilo que Ele é e o que deseja de nós. Nela temos os pensamentos de Deus, e por ela como num espelho temos o reflexo da nossa pessoa: pecadores necessitados de salvação. Um Deus Santo que quer adoradores santos. Isso só é possível através do Caminho que Ele revela a nós, como o único meio de chegar à Sua presença: Jesus Cristo!!!

Alejandro Mercado disse...

Engano seu, Aprendiz. Existem muitos que acreditam que a Bíblia foi ditada. Que acreditam que os escritores da mesma são meros amanuenses. Ignoram a inspiração e guia do Espírito Santo. Ignoram a lingua em que foram escritos os livros. Ignoram os diversos tipos de escritos contidos na Bíblia. Não reconhecem os estilos diferentes encontrados no Livro Sagrado. Nem levam em conta os aspectos culturais, históricos e as circunstâncias em que se encontravam os escritores. Muito menos consideram a variedade de pessoas que Deus usou para Revelar a Sua Vontade aos homens. Tudo isso sem serem semi-analfabetos como diz vc... Quanto ao Siqueira: muito pouco tempo para ter visto de tudo e um pouco mais... volta a falar sobre isso daqui a 50 anos. Que vc viu muita coisa, fato, mas de tudo, exagero seu e um pouco mais, possivelmente lhe contaram... viaja por ese mundo e depois dirá muita coisa que vc nunca sonhou ver nem ouvir...

Anônimo disse...

Alex Araujo
"Pois é...Achar alguém que queria ser "simplesmente um cristão comum" está cada dia mais difícil...Se verdadeiramente formos imitadores de Deus, chegaremos a conclusão que vivemos em meio a grandes mentiras.""