Pesquisar este blog

Carregando...

sexta-feira, 1 de abril de 2011

Caro deputado, não nos faça vergonha!

O pastor-cantor-vendedor-apresentador e deputado Marco Feliciano andou bem ativo nos últimos dias no Twitter. Depois de “amaldiçoar” aqueles que discordam dele, ele resolveu teologar. E quando Marco Feliciano resolve fazer teologia saí de baixo que lá vem coisa! Leia as duas mensagens abaixo:

Africanos descendem de ancestral amaldiçoado por Noé. Isso é fato. O motivo da maldição é a polemica. Não sejam irresponsáveis twitters rsss (sic)

A maldição q Noe lança sobre seu neto, canaã, respinga sobre continente africano, dai a fome, pestes, doenças, guerras étnicas! (sic)

Feliciano lê a Bíblia como eu lia o gibi da Turma da Mônica. A interpretação de Gênesis 9.25 é risível e trágica. Durante anos tal texto foi usado para justificar a escravidão, assim como Mateus 27.25 foi usado para justificar o anti-semitismo.

Veja, por exemplo, o comentário do texto pelo erudito inglês Frank Derek Kidner, que foi professor de Antigo Testamento em Cambridge:

O fato de que a maldição recaiu sobre Canaã, o filho mais novo do ofensor (Gn 10.6), que também era o filho mais novo, salienta sua referência à sucessão de Cão, em vez de à sua pessoa. Por sua violação da família, a sua própria família iria fracassar. Portanto, desde que isto limita a maldição a este único ramo dentre os camitas, aqueles que julgam que os povos camitas em geral estão condenados à inferioridade entenderam mal tanto o Velho como o Novo Testamento. Também é provável que o domínio de Israel sobre os cananeus tenha cumprido suficientemente oráculo (cf. Js 9.23; 1 Rs 9.21). [DEREK, Kidner. Gênesis: Introdução e Comentário. 1 ed. São Paulo: Edições Vida Nova. p 97.]

Ou seja, era uma maldição bem específica sobre aquela família. O motivo de tal maldição é uma questão em aberto, já que o pecado foi cometido por Cam, o pai de Canaã. E no que consistia essa maldição? Ora, era a submissão de Canaã pelos filhos de Sem. No reinado de Saul e Davi, por exemplo, Israel dominou a terra de Canaã, assim como Josué na era dos juízes.

Além de teologia e interpretação bíblica, o nobre deputado carece de geografia bíblica. Mesmo seguindo o raciocínio brilhante dele, não há nenhum nexo:

Cam (ou Cão) gerou Cuxe, Mizraim, Pute e Canaã (Gn 10.6). Segundo o relato bíblico a maldição caiu somente sobre Canaã. Onde Canaã e os seus descendentes habitaram? Na Arábia e na Mesopotâmia e não na África. Ora, fora os demais filhos de Cam que habitaram no norte do continente africano. Mesmo seguindo o raciocínio absurdo do Feliciano, como se essa maldição fosse eterna, hoje tal “maldição” estaria bem fora da África. E os descendentes de Canaã, segundo a arqueologia, não eram negros e sim brancos.

Não generalizem

Há uns “pensadores” por aí que julgam todos os evangélicos pela mentalidade fértil do Marco Feliciano. Sou da mesma denominação do referido pastor, mas não aceito suas declarações absurdas. Aliás, desde sempre via barbaridades em suas pregações. Não só eu, bastar ir no Facebook e no Twitter de muitos crentes para ver a mesma indignação. Portanto, nada de generalizações.

Infelizmente, há um público cativo, que verdadeiramente idolatra o pastor Feliciano. Há até quem imita suas orações e depois reproduzem isso nos cultos. Eu já vi isso. Eu já vi também um que imitava a roupa e rodada de 360 graus no púlpito, que Feliciano costuma fazer nas suas pregações de autoajuda.

23 comentários:

Zaqueu disse...

Realmente viajou bastante o camarada, eu não havia percebido o tanto até visitar este blog.

Parabéns pelo post.

Marcia Moreira disse...

O pior é que le dá mal testemunho, enquanto que alguns cristãos verdadeiros mesmo, querem seguir a verdade de Jesus Cristo. Agora pense, mesmo que tivesse esta tal maldição, e a obra da cruz, como fica? O pessoal anda tomando a Santa Ceia à toa, sem discernimento.

Abraço e tenha um bom-dia.

Daladier Lima disse...

Prezado Gutierres,

Duas ressalvas importantes:
Primeiro, os africanos sofrem há décadas sob o jugo dos próprios parentes. Os politicamente corretos, que agora usam as palavras distorcidas do pastor, entendem que os brancos subjugaram os negros, e omitem, criminosamente, que eram eles próprios que entregavam os escravos nos mercados africanos. Zumbi, aqui mesmo no Brasil, tinha escravos. Mas para o movimento negro é um santo.
Segundo, você não é da mesma igreja de Feliciano, nem eu, ele fundou uma denominação própria. Só usa o nome.

Abraços!

Pr. Carlos Roberto disse...

Caro Gutierrez,

Graça e Paz!

Sugiro que voce acrescente ao título, "outra vez", por que desta vez já fez.
E olhe que, se vacilar, vem mais por aí, aliás, será que não estava previsto isso?

Oremos por ele para que, desista de tais demonstrações de sede por holofote, afinal, a vergonha é para todos nós!

Um grande abraço!

pr. Carlos Roberto

Jonataskei disse...

A Paz do Senhor amado,

Excelente texto e considerações bíblicas.

Continue na torre de vigia, ha comentários que não podem passar desapercebidos sem receberem a justa resposta.

Deus continue lhe abençoando.

Luciano de Paula Lourenço disse...

Fico envergonhado quando um cara que se diz pastor (presume-se que conheça a Bíblia)fala uma asneira desta estirpe. E ainda deixa os tentáculos das consequencias da sua burrice teológica para atingir a reputação de todos os evangélicos. Isso é uma veeergonha gospel.

DEFENDENDO A FÉ QUE UMA VEZ FOI DADA AOS SANTOS!!! disse...

A paz do Senhor.

Vocês não perdem por esperar...

Aguardem até vierem os escândalos em Brasília...

E ele vive se derretendo em amores pelo Voz da Mentira...aquele conjuntinho herege e apóstata que descrê na divindade do Espírito Santo!!!



A hermenêutiva e a exegese dele na passagem de Noé amaldiçoando Canaã foi a mesma da de uma ameba embriagada.

E se ele não houvesse feito chapinha,todos veriam que o cabelo seco dele,motivo de piadas inúmeras vezes pelo próprio dito cujo,não nega a sua descendência afro-brasileira.

Lamentável.

Mario Sérgio disse...

Infelizmente os evangélicos perdem espiritualmente e politicamente, pois Feliciano é um pastor e deputado, que em tese é representante dos nossos direitos. Ou seja, se ele não sabe de Bíblia, imagina o conhecimento dele de leis? Outra coisa: afinal ele também não é doutorado em teologia e exibe um amontoado de titulações na área. Olha, depois dessa dá pra desconfiar...

César Garcia disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Nando Jesus disse...

Gutierres, você já viu a resposta do deputado/pastor Marco Feliciano? Gostaria de saber tua opinião sobre o texto abaixo.
http://www.creio.com.br/2008/noticias01.asp?noticia=13105

a verdade do evangelho disse...

É isso que dá uma pessoa sem nenhum preparo Bíblico-Teológico (já ficou provado isso pelas heresias divulgadas em suas "pregações")sair por aí com o título de pastor e dizendo que é Doutor em Divindade. Que vergonha!
Os pastores que consagram (ordenam) estes meninos na fé ao pastorado tem sua parcela de culpa, pois não atentaram para as recomendações de Paulo com respeito aos requisitos de quem almeja o episcopado.
No final todos irão prestar contas a Deus.
E o pior é que existe fã clube que defendem com unhas e dentes tudo que seus pregadores-ídolos falam.

Pb. Edinei, Th.B

Gutierres Siqueira disse...

Márcia,

Você lembrou muito bem: É a obra da cruz, senhor Feliciano?

Gutierres Siqueira disse...

Daladier,

Que bom que ele não é mais da mesma denominação, mas infelizmente ainda exerce forte influência sobre os assembleianos.

E é fato: A África precisa de capitalismo, ou seja, investimentos e não mera caridade desviada por políticos corruptos.

Gutierres Siqueira disse...

Pr. Carlos,

É verdade. Isso já estava previsto.

Gutierres Siqueira disse...

Jonataskei,

Obrigado.

Gutierres Siqueira disse...

Luciano,

É verdade amigo. É a nossa imagem que fica arranhada.

Gutierres Siqueira disse...

Defendendo a Fé,

Finalmente nós concordamos, rsrs!

Gutierres Siqueira disse...

Mário Sérgio,

Eu sinceramente acho que esses diplomas são furadas. Nenhum doutor em teologia falaria tanta bobagem assim, independente de sua visão teólogica. É caso de investigação.

Gutierres Siqueira disse...

Nando,

Nas explicações ele continua defendendo o erro teológico.

Veja a ótima análise exegética do Esdras Bentho:

http://teologiaegraca.blogspot.com/2011/04/bolsonaro-racismo-e-homofobia-com-base.html

Gutierres Siqueira disse...

Edinei,

Conhecimento realmente não há...

a verdade do evangelho disse...

Por falar em D.D, vejam este artigo.


Você é "Doutor em Divindade" ?
Todos os diplomas de "doutor em divindade" , expedidos no Brasil por seminários e faculdades livres de teologia não possuem nenhuma validade acadêmica , pois os referidos titulos são de natureza eclesiástica livre. Compete a CAPES através das Universidades Públiccas e Particulares avaliarem , recomendarem e reconhecerem os cursos de mestrado , doutorado , livre-docência e pós-doutorado para o excercicio legal da profissião de docente e pesquisador.

Não existe no Brasil curso de DD (doutorado em divindade). Somente a universidade de Cambridge na Inglaterra é que oferece o programa acadêmico de DD (doutorado em divindade) em três anos de curso . Nos Estados Unidos , Europa e América Latina , os titulos eclesiásticos de DD (Doutor em Divindade) servem apenas para o reconhecimento espíritual e eclesiástico do ministro do evangelho e/ ou pessoas ligadas aos estudos bíblicos e teológicos , tais como os professores e teólogos do cristianismo. Nenhuma pessoa portadora de DD é merecedora de ostentar o grau de doutor , a não ser que , a mesma a fez merecer , fazendo exame de duas linguas estrangeiras e ter sido aprovado em todas as disciplinas do programa acadêmico de uma Universidade ou Faculdade de teologia chancelada por uma Universidade no seu pais de origem. Além disso , é necessário a defesa de uma tese original capaz de demonstrar capacidade de estudo e pesquisa. Não é qualquer pessoa por aí que aparece com diploma de "doutor em divindade " que a gente vai prestar hoe honra são poucas que merecem Louvor! Diploma de doutor em divindade não se compra e não se vende . Doutor em divindade é alguem que fez juz após ter sido avaliado por um corpo de profissionais competentes em teologia.

Roberto dos Santos
PhD em Estudos Religiosos pela Friends International Christian University
Docente Superior pela Universidade Gama Filho

Pb. Edinei, Th.B

Nando Jesus disse...

Gutierres, lendo a análise exegética de Esdras Bentho, minhas dúvidas ainda não foram respondidas em sua totalidade, mas continuarei buscando tais respostas.
Grato.
http://nandojesus.blogspot.com/

Wanda disse...

Olhe meu caro Pastor Carlos Roberto, a sede por holofote não é privilégio apenas do nobre deputado Feliciano...se olhar bem temos o vários exemplares... vejamos: O senhor Malafaia adora holofotes, está até a implantar cabelos e plasticas...não que ele goste...é que usa a sua imagem para atrair fiéis...uma vez que é uma empresa, temos também o Pr. magno Malta gosta de programas de televisão ao lado da cantora Lauriete...
"O senador Magno Malta (PR-ES), dias depois da separação da cantora e deputada federal Lauriete do pastor Reginaldo Almeida e ex-deputado estadual, colocou-se ao lado da colega parlamentar, afirmando que seu ex-marido “é homossexual”. quer dizer instalou-se a sodoma e gomorra por lá.